sábado, 29 de abril de 2017

Piauí precisa de mais um ponto para não ser rebaixado

Mesmo classificado para as semifinais do segundo turno, o Piauí ainda corre risco de ser rebaixado para a 2ª Divisão do Campeonato Piauiense de 2018. Embora esteja com 11 pontos na classificação geral da competição, 1 ponto à frente de Picos, é fato concreto que o time da capital ver ser declarado perdedor no processo do jogo com o River, e pelo placar de 3 a 0. É o caminho natural da Justiça Desportiva. A menos que aconteça algo imaginável.

Em assim sendo, o Piauí fica atrás de Picos, com 10 pontos, 3 vitorias e saldo -11, ao passo que Picos soma 10 pontos, 3 vitórias,, saldo -11, mas terá um gol marcado a mais que o Enxuga Rato. Com esses números, o Piauí está rebaixado para a 2ª Divisão. Qual a saída para o time azul e vermelho? Veremos a seguir:

Empatar o vencer o jogo semifinal, diante do River. Com, pelo menos, mais um ponto, o Piauí fica à frente da Sociedade Esportiva de Picos. Todavia, a diretoria do Piauí e sua comissão técnica precisam atentar para o seguinte detalhe.

Empate no tempo normal e vitória do River na prorrogação - o River vence o jogo e ganha 3 pontos.
Empate no tempo e na prorrogação - o resultado final é empate, com o Piauí ganhando o ponto que precisa para fugir do rebaixamento.
Empate no tempo normal e vitória do Piauí na prorrogação - o Piauí ganha 3 pontos.

CLASSIFICAÇÃO GERAL ATUALIZADA

1° Altos, 25 pontos, 7 vitórias, 7 gols de saldo e 19 gols marcados.
2° River, 24 pontos, 6 vitórias, 9 gols de saldo e 20 gols marcados.
3° Parnahyba, 22 pontos, 6 vitórias, 4 gols de saldo e 18 gols marcados.
4° 4 de Julho, 16 pontos, 4 vitórias, 1 gol de saldo e 17 gols marcados.
5° Flamengo, 15 pontos, 4 vitórias, saldo -2 e 15 gols marcados.
6° Piauí, 11 pontos, 3 vitórias, saldo -8 e 12 gols marcados.
7° Picos, 10 pontos, 3 vitórias, saldo -11 e 12 gols marcados.
 
COMO DEVERÁ FICAR APÓS O JULGAMENTO

1° River, 26 pontos, 7 vitórias, 12 gols de saldo e 22 gols marcado. 
2° Altos, 25 pontos, 7 vitórias, 7 gols de saldo e 19 gols marcados.
3° Parnahyba, 22 pontos, 6 vitórias, 4 gols de saldo e 18 gols marcados.
4° 4 de Julho, 16 pontos, 4 vitórias, 1 gol de saldo e 17 gols marcados.
5° Flamengo, 15 pontos, 4 vitórias, saldo -2 e 15 gols marcados.
6° Picos, 10 pontos, 3 vitórias, saldo -11 e 12 gols marcados.
7° Piauí, 10 pontos, 3 vitórias, saldo -11 e 11 gols marcados.

 
 

Empates classificam 4 de Julho e Piauí para as semifinais

Com os dois empates verificados na tarde deste sábado, nos jogos Piauí x 4 de Julho (0 a 0) e Flamengo x Parnahyba ( 1 a 1), foram definidos os dois últimos classificados para as semifinais da Taça Cidade de Teresina (2° turno do Campeonato Piauiense). Com 9 pontos , o 4 de Julho terminou em 3° lugar; e o Piauí, com 8, fecha o G4. O Flamengo estava classificado até tomar o gol de empate, perdendo a vaga nas semifinais com o gol parnaibano.

Mesmo perdendo o julgamento do TJD, por 3 a 0, o Piauí não mudará sua condição de classificado para as semifinais. O problema agora é livrar-se do rebaixamento e isso só será possível com, pelo menos, um empate no jogo semifinal, diante do River. A outra semifinal será Altos x 4 de Julho.

FICHAS TÉCNICAS

PIAUÍ 0x0 4 DE JULHO (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Fase Classificatória - 7ª rodada); Data: 29/04/2017 (sábado à tarde); Local: Estádio Lindolfo Monteiro (Teresina - PI); Arbitragem: Leonardo Marques Fortes, auxiliado por Rogério de Oliveira Braga e Mauro Cezar Evangelista de Sousa.

Renda: R$ 2.098,00 com 288 pagantes (18 não pagantes).

Público total: 306 torcedores.

Cartões amarelos: Ricardo Oliveira, Lucas Borges, Gustavo (PIA) e Wilsinho (4J)

Expulsão: Victor Salvador, aos 31 do 2°, por prática de jogo brusco (vermelho direto).

Piauí - Lucas Conceição; Sorín, Marcelo, Lucas Borges e Cinelton; Gustavo (Caíque), Breno (Ramon), Victor Salvador e Dudu; Ricardo Oliveira (Gleydison) e Nil. Técnico: Fabiano Aragão Macau.

4 de Julho - Neto; Wilsinho, Paulo Maranhão, Hugo e Diguinho; Célio (Binha), Regis Pitbul (Charles Paraíba), Maycon e Juninho Pindaré; Pedra Preta (Celio Mata Boi) e Ted Love. Técnico: Pedro de Siqueira Manta.


FLAMENGO 1x1 PARNAHYBA (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Fase Classificatória - 7ª rodada); Data: 29/04/2017 (sábado à tarde); Local: Estádio Albertão (Teresina - PI); Arbitragem: Antônio Santos Nunes, auxiliado por João Thiago Carvalho Reis e Alisson Lima Damasceno.

Gols: Capela (falta) 11 do 1° tempo; Dênis 48 do 2°.

Cartões amarelos: Leo Maceió (FLA), Doda Maranhense (PAR).

Obs.: jogo realizado com portões fechados ao público, em face do Estádio Albertão não se encontrar liberado, por falta de um dos laudos, mas com a Federação achando necessário a realização da partida no mesmo horário do jogo do Lindolfo Monteiro.

Flamengo - Evandrízio; Barata, Sadan, Alessandro e Tiaguinho; Rafinha, Paulinho Cearense (Joninha), Leo Maceió (Gabriel) e Capela; Eduardo e Fabinho. Técnico: Nivaldo de Oliveira Lancuna.

Parnahyba - Alex; Thiago Granja, Gilmar Bahia, Renan e Siderval; Ramón, Tininho, Marcos Gasolina (Dunga, depois Dênis) e Doda Maranhense; Yerién e Fabiano (Pio). Técnico: Fernando Tonet.

FFP e clubes homenageiam vítimas de acidente de trabalho

Fonte: Assessoria da FFP
 
Neste sábado (29) serão disputados dois jogos da sétima e última rodada do returno do Campeonato Piauiense. Piauí, 4 de Julho, Flamengo e Parnahyba entram em campo para definir quais equipes irão avançar para as semifinais da competição, junto com River e Altos, já classificados.
 
Porém, antes do apito inicial, os clubes irão respeitar “um minuto de silêncio” em homenagem às vítimas de acidentes de trabalho. A medida, que faz parte da Campanha Abril Verde, visa atender a um pedido do Ministério Público do Trabalho (MPT) em parceria com a CBF e vem ocorrendo em todos os jogos de futebol disputados em território nacional desde a última quarta-feira (26). A homenagem também aconteceu no duelo entre Altos e River, realizado hoje (28).
 
Desde o início deste mês, os sete clubes que disputam a Série A do Campeonato Piauiense têm entrado em campo com faixas alusivas à Campanha Abril Verde. O objetivo é conscientizar a população sobre a importância de medidas preventivas como a melhor maneira de evitar doenças e promover a segurança no ambiente de trabalho. 
 
ENTENDA A CAMPANHA
 
O Abril Verde é um movimento de iniciativa popular com participação espontânea que chama a atenção da sociedade brasileira para a adoção de uma cultura permanente de prevenção de acidentes do trabalho e doenças ocupacionais. O Movimento luta para marcar o mês de abril com a cor da segurança no calendário nacional.
 
A escolha do mês de abril ocorreu devido ao dia 28 de abril ser Dia Mundial em Memória às Vítimas de Acidentes de Trabalho. Nesta data, no ano de 1969, ocorreu uma explosão na mina da cidade de Farmington, estado da Virgínia, nos Estados Unidos, matando 78 trabalhadores.
 
No Brasil, a Lei nº 11.121, que criou o Dia Nacional em Memória das Vítimas de Acidentes e Doenças do Trabalho, foi promulgada em maio de 2005. A ação faz parte das atividades da Coordenadoria Nacional de Defesa do Meio Ambiente de Trabalho (Codemat).

 

sexta-feira, 28 de abril de 2017

De virada, River vence Altos e lidera o segundo turno

Com todos os gols marcados no segundo tempo, o River venceu Altos na noite desta sexta-feira (28), de virada, no Estádio Lindolfo Monteiro, por 2 a 1, e reassumiu a liderança da Taça Cidade de Teresina (2° turno do Campeonato Piauiense). Viola marcou mais uma vez e vai se distanciando na artilharia da competição.
 
Mas foi Joelson, o goleador do Jacaré, quem abriu a contagem, aproveitando uma saída do goleiro Leandro, que se atrapalhou na hora de aliviar o perigo. O empate veio através de uma penalidade máxima, cometida pelo goleiro Rodrigo Carvalho, que foi expulso após receber a segunda advertência com crtão amarelo. Dida entrou e foi para o gol.
 
A vitória do Galo efetivou-se no final da partida, com um chute certeiro de Cleber Lucas. Muita confusão depois do jogo, com os altoenses acusando a arbitragem de ter favorecido o River. Com 14 pontos ganhos, o River ainda espera ganhar mais dois pontos no TJD, proveniente do jogo em que o Piauí ficou sem número legal de atletas para prosseguir na partida.

FICHA TÉCNICA

ALTOS 1x2 RIVER (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Fase Classificatória - 7ª rodada); Data; 28/04/2017 (sexta-feira à noite); Local: Estádio Lindolfo Monteiro (Teresina); Arbitragem: Antônio Dib Moraes de Sousa, auxiliado por Francisco Nurisman Machado Gaspar e Thyago Costa Leitão.

Renda: R$ 10.008,00 com 908 pagantes (48 não pagantes).

Público total: 956 torcedores.

Gols: Joelson 4, Viola (pênalti) 34 e Cléber Lucas 45 do 2° tempo.

Expulsão: Rodrigo Carvalho, aos 33 do 2°, por cometer o pênalti (segunda advertência).

River - Leandro Silva; Amorim, Oscar Brizuela, Gabriel e Wesley; Amarildo, Juninho Paraíba(Sharles), Humberto e André Luiz (Cléber Lucas);  Viola e Rodrigo Tiuí (Negueba). Técnico: Eduardo Pedro Hungaro.

Altos - Rodrigo Carvalho; Chiquinho, Diego Bispo, Marcelo e Tiaguinho; Marconi, Dos Santos, Tavares e Vágner (Esquerdinha); Manoel (Felipe) e Joelson( Dida). Técnico: Paulo Ricardo Kobayashi (Paulinho Kobayashi).
 

Federação define datas das semifinais da returno

O Departamento de Competições da Federação de Futebol do Piauí (FFP) definiu nesta sexta-feira (28) as datas das semifinais e da final da Taça Cidade de Teresina, o returno do Campeonato Piauiense. Os jogos das semifinais serão realizados nos dias 6 e 7 de maio. Já o campeão do returno será conhecido no dia 10 de maio. Os horários e locais de realização das partidas serão divulgados na próxima semana.
 
- Precisamos saber como vai ficar a classificação e quem serão os semifinalistas. Já estão definidos dois, que são River e Altos. Os outros dois, em tese, serão conhecidos nos jogos de amanhã (29). Porém, na próxima terça-feira (2) ainda vai haver o julgamento do Piauí naquele caso do jogo com o River. Então, só depois desse resultado é que vamos saber quem vai passar de fase e como vai ficar a classificação, para aí definirmos local e horário dos jogos – explica Robert Brown, diretor de competições da FFP.
 
O Departamento também definiu a data das finais do estadual. O campeão piauiense de 2017 será conhecido em dois jogos, que serão realizados nos dias 14 e 17 de maio. Vale lembrar que, de acordo com o regulamento da competição, o segundo jogo da final terá como mandante a equipe de melhor índice técnico em toda a competição.
 
 

Os números do Piauiense antes da 7ª rodada

Faltam apenas três jogos para o encerramento da fase classificatória da Taça Cidade de Teresina (2° turno do Campeonato Piauiense). Até o momento, somente Altos e River estão assegurados como semifinalistas. As outras duas vagas serão preenchidas após os dois jogos deste sábado, envolvendo Piauí x 4 de Julho e Flamengo x Parnahyba. Todos eles ainda com chances de ir às semifinais. A situação mais tranquila é a do 4 de Julho. Pode até perder, desde que haja empate entre Flamengo e Parnahyba. Um empate garante de vez a presença do Colorado nas semifinais.
 
Piauí e Parnahyba precisam vencer para assegurar presença no G4. E o Flamengo, que soma apenas 4 pontos, já não depende apenas de suas próprias forças. Terá que vencer oParnahyba e torcer por uma derrota do Piauí. A propósito do Piauí, o time tem outro motivo para buscar a vitória. Fugir da 2ª divisão e deixar o rebaixamento para Picos.
 
CLASSIFICAÇÃO DA TAÇA CIDADE DE TERESINA

1° Altos, 11 pontos, 3 vitória, 6 gols de saldo e 10 gols marcados.
2° River, 11 pontos, 3 vitórias, 5 gols de saldo e 9 gols marcados.
3° 4 de Julho, 8 pontos, 2 vitórias, 1 gol de saldo e 9 gols marcados.
4° Piauí, 7 pontos, 2 vitórias, saldo 0 e 6 gols marcados.
5° Parnahyba, 5 pontos, 1 vitória, saldo 0 e 5 gols marcado.
6° Flamengo, 4 pontos, 1 vitória, saldo -4 e 5 gols marcados.
7° Picos, 3 ponto, 1 vitória, saldo -8 e 4 gols marcados.
 
CLASSIFICAÇÃO GERAL

1° Altos, 25 pontos, 7 vitórias, 8 gols de saldo e 18 gols marcados.
2° Parnahyba, 21 pontos, 6 vitórias, 4 gols de saldo e 17 gols marcados.
3° River, 21 pontos, 5 vitórias, 8 gols de saldo e 18 gols marcados.
4° 4 de Julho, 15 pontos, 4 vitórias, 1 gol de saldo e 17 gols marcados.
5° Flamengo, 14 pontos, 4 vitórias, saldo -2 e 14 gols marcados.
6° Piauí, 10 pontos, 3 vitórias, saldo -8 e 12 gols marcados.
7° Picos, 10 pontos, 3 vitórias, saldo -9 e 12 gols marcados.

PÚBLICO PAGANTE POR CLUBE
(média por jogo)

1.058 - River (12.698 pagantes em 12 jogos)
790 - Parnahyba (10.275 pagantes em 13 jogos)
754 - Flamengo (9.057 pagantes em 12 jogos)
694 - Picos (8.334 pagantes em 12 jogos).
640 - 4 de Julho (7.045 pagantes em 11 jogos).
561 - Altos (7.294 pagantes em 13 jogos)
401 - Piauí (4.417 pagantes em 11 jogos)

PÚBLICO PAGANTE COMO MANDANTE
(média por jogo)
 
892 - Picos (5.357 pagantes em 6 jogos).
837 - Parnahyba (5.023 pagantes em 6 jogos)
770 - 4 de Julho (4.620 pagantes em 6 jogos)
765 - Flamengo (4.595 pagantes em 6 jogos)
696 - River (4.176 pagantes em 6 jogos)
592 - Altos (4.150 pagantes em 7 jogos)
339 - Piauí (1.699 pagantes em 5 jogos)

PÚBLICO PAGANTE POR CIDADES
(média por jogo)
 
892 - Picos (5.357 pagantes em 6 jogos).
837 - Parnaíba (5.023 pagantes em 6 jogos)
770 - Piripiri (4.620 pagantes em 6 jogos)
609 - Teresina (14.620 pagantes em 24 jogos)

ARTILHEIROS

9 gols - Viola (River).

6 gols - Juninho Pindaré (4 de Julho), Joelson (Altos) e Eduardo (Flamengo) e Raphael Freitas (Picos).

4 gols - Ted Love (4 de Julho), Yerién (Parnahyba).

3 gols - André Tavares (Altos), Barata (Flamengo), Jânio Daniel (Parnahyba), Gleydson (Piauí) e Candinho (Picos).

2 gols - Maycon, Wilsinho (4 de Julho), Manoel, Tiaguinho (Altos), Tininho, Thiago Granja (Parnahyba), Victor Salvador (Piauí), Tety e Negueba (River).

1 gol - Célio Mata Boi, Régis Pitbul, Pedra Preta (4 de Julho), Uilliam, Leone, Esquerdinha, Alex Mineiro  (Altos), Vitor Recife, Joninha, William Goiano, Tiaguinho, Miltão (Flamengo), Marcos Gasolina, Renan, Dunga, Gilmar Bahia, Doda Maranhense, Dênis (Parnahyba), Ricardo Oliveira, Sorín, Robério, Lucas Borges, Alisson, Nil, Dudu  (Piauí), Felipe, Raphael Costa (Picos), Oscar Brizuela, Humberto, Rodrigo Tiuí, Gabriel e Juninho Paraíba (River).

GOLS CONTRA

1 gol - Humberto (River, em favor de Picos) e Didi (Piauí, em favor de Altos).

GOLEIROS COM MELHOR APROVEITAMENTO
(média de gols sofridos por jogo)
 
0,70 - Rodrigo Carvalho (Altos) - 7 gols em 10 jogos.
 
0,83 - Leandro Silva (River) - 10 gols em 12 jogos.
 
1 gol por jogo - Alex (Parnahyba), 11 gols em 11 jogos -, Santos (Flamengo) - 7 gols em 7 jogos -, -, Alex Alves (Altos) - 3 gols em 3 jogos -, e Ribamar (Parnahyba) - 2 gols em 2 jogos.
 
1,25 - Evandrízio (Flamengo) - 5 gols em 4 jogos.
 
1,33 - Jaílson (4 de Julho) - 8 gols em 6 jogos.
 
1,50 - Lucas Conceição (PIauí) - 12 gols em 8 jogos.
 
1,60 - Neto (4 de Julho) - 8 gols em 5 jogos.
 
1,66 - David Amorim (Picos) - 5 gols em 3 jogos.
  
2 gols por jogo - Dionanton (Picos) - 12 gols em 6 jogos - e Amaral (Picos) - 6 gols em 3 jogos .
 
2,25 - Dionanton (Picos) - 9 gols em 4 jogos.
 
2,66 - Joel (Piauí) - 8 gols em 3 jogos.
 
4 gols por jogo - Robson (Flamengo) - 4 gols em 1 jogo.

 ESTÁDIOS UTILIZADOS

24 jogos - Lindolfo Monteiro (Teresina).
6 jogos - Ytacoatiara (Piripiri), Pedro Alelaf (Parnaíba), e Helvídio Nunes (Picos).

ÁRBITROS QUE APITARAM

10 jogos - Antônio Santos Nunes.

9 jogos - Antônio Dib Moraes de Sousa

7 jogos - Leonardo Marques Fortes
 
6 jogos - Diego da Silva Castro.

3 jogos - Antônio José Lopes Trindade de Sousa.
 
2 jogos - Hélio Fábio Pinto de Queiróz e Antônio Francisco Cordeiro de Paula.

1 jogo - Djalma Alves de Lima Filho,  e Lindomar de Araújo Oliveira.

ÁRBITROS ASSISTENTES

11 jogos - Márcio Iglesias Araújo Silva.
 
10 jogos - Alisson Lima Damasceno.
 
7 jogos - Rogério de Oliveira Braga e Ozeas de Sousa dos Santos.
 
6 jogos - Arnaldo Araújo Santos.
 
5 jogos - Francisco Nurisman Machado Gaspar.

4 jogos - Mauro Cezar Evangelista de Sousa e Wilson dos Santos Júnior, Antônio Sergio de Sousa Araújo, Maura Cunha Costa e João Thiago Carvalho Reis.

3 jogos - Janystony Rabelo de Melo e Luiz Gonzaga da Silva Filho, João e Thyago Costa Leitão.

2 jogos - André da Silva Andrade, Francisco das Chagas Santos Filho, Raimundo David dos Reis Alves e José Nilton da Costa.

ATAQUES
 
18 gols - Altos e River.
17 gols - 4 de Julho e Parnahyba.
14 gols - Flamengo.
12 gols - Piauí e Picos.

DEFESAS
 
10 gols - Altos e River.
13 gols - Parnahyba.
16 gols - 4 de Julho e Flamengo.
20 gols - Piauí,
23 gols - Picos

MARCAS HISTÓRICAS

1° gol - Viola (River), no jogo Picos 2x2 River, em 31/01/2017.
50° gol - Yerién (Parnahyba), no jogo Parnahyba 2x1 Flamengo, em 15/03/2017.
100° gol - Juninho Paraíba (River), no jogo River 2x1 Flamengo, em 19/04/2017.

GOLS MAIS RÁPIDOS

1 minuto - Ted Love (4 de Julho), no jogo Parnahyba 0x1 4 de Julho, em 11/02/2017.
2 minutos - Joelson (Altos), no jogo Altos 3x0 4 de Julho, em 08/04/2017.
2 minutos - Dudu (Piauí), no jogo Piauí 1x1 River, em 16/04/2017.

TÉCNICOS QUE MAIS VENCERAM

6 jogos - Fernando Tonet (Parnahyba).
4 jogos - Eduardo Hungaro (River).
3 jogos -  Francisco Diá, Paulinho Kobayashi (Altos).
2 jogos - Luiz Miguel, Pedro Manta (4 de Julho), Fabiano Macau (Piauí), Paulo Ricardo Moroni (picos) e Nivaldo Lancuna (Flamengo 1 e Picos 1).
1 jogo - Ruy Scarpino (Altos), Marcão (Piauí), Waldemar Lemos (River), Cícero Monteiro, Guto Teixeira e Celso Teixeira (Flamengo).

TÉCNICOS QUE MAIS PERDERAM

6 jogos - Paulo Moroni (Picos).
5 jogos - Marcão (Piauí).
4 jogos - Nivaldo Lancuna (Picos 2 e Flamengo 2) e Fernando Tonet (Parnahyba).
3 jogos - Luiz Miguel (4 de Julho).
2 jogos - Ruy Scarpino (Altos), Cícero Monteiro (Flamengo), e Fabiano Macau (Piauí).
1 jogo - Celso Teixeira (Flamengo), Eduardo Hungaro (River), Pedro Manta (4 de Julho),
 
PRÓXIMOS JOGOS
7ª rodada
28/04 (sexta-feira) - 19 horas
Lindolfo Monteiro (Teresina) - ALTOS X RIVER
 
29/04 (sábado) - 15 h45
Lindolfo Monteiro (Teresina) - PIAUÍ X 4 DE JULHO
Albertão (Teresina) - FLAMENGO X PARNAHYBA
 

terça-feira, 25 de abril de 2017

Toreca: a perda de mais um campeão piauiense

Como atleta do Piauí, Toreca foi campeão em 1985.
 
Nesta terça-feira (25), o futebol piauiense amanheceu de luto. Nas primeiras horas da madrugada, faleceu um dos grandes ídolos das décadas de 1980/90: o volante Toreca, campeão piauiense em duas oportunidades e um dos melhores da sua geração. O ex-atleta profissional estava internado há vários dias, e faleceu vítima de uma infecção generalizada.
 
Edilson Barbosa Mendes, o Toreca, piauiense de União, tinha 60 anos de idade, completos no último dia 20 de dezembro. No início da carreira, sagrou-se vice-campeão brasileiro de futebol amador, como atleta do Kosmos. Como profissional, jogou no Piauí, River e Tiradentes, sagrando-se campeão piauiense em 1985 (Piaui) e 1990 (Tiradentes).
 
Depois que deixou o futebol como profissional, dedicou-se a atividades de professor de Educação Física. Toreca foi sepultado na tarde de hoje, no Cemitério do Buenos Aires. Vários ex-atletas e dirigentes estiveram presentes nas últimas homenagens.
 

segunda-feira, 24 de abril de 2017

Flamengo e Altos empatam na conclusão da rodada

Com um empate de 0 a 0, na noite desta segunda-feira (24), Flamengo e Altos concluíram a sexta rodada  da Taça Cidade de Teresina - o 2° turno do Campeonato Piauiense. O resultado mantém o Flamengo com possibilidades de classificação para as semifinais, mas agora só resta vencer o Parnahyba na última rodada.
 
Apesar de amargar o empate sem gols, o Flamengo fez uma boa atuação. Com 4 pontos ganhos, o time precisa vencer o Parnahyba e torcer por um tropeço do Piauí diante do 4 de Julho. Uma vitória do Piauí sobre o 4 de Julho será fatal para as pretensões rubro-negras. Por enquanto, so River e Altos, ambos com 11 pontos ganhos, estão classificados para as semifinais do returno.
 
FICHA TÉCNICA
 
FLAMENGO 0x0 ALTOS (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - 6ª rodada); Data; 24/04/2017 (segunda-feira); Local: Estádio Lindolfo Monteiro (Teresina); Arbitragem: Diego da Silva Castro, auxiliado por Marcio Iglesias Araújo Silva e Ozeas de Sousa dos Santos.

Renda: R$ 1.823,00 com 267 pagantes (128 não pagantes).

Público total: 395 torcedores.
 
Cartões amarelos: Lima, Júnior, Ribeiro, Leo Maceió (FLA), Dos Santos, Marcelo, Patyrick Recife (ALT).
 
Expulsão: Lima, aos 41 do 2°, por prática de jogo brusco (segunda advertência).
 
Flamengo - Evandrízio; Barata, Ribeiro, Alessandro e Tiaguinho Paulinho Cearense); Lima, Rafinha, Leo Maceió e Capela (Leonardo); Eduardo e Junior (Fabinho). Técnico: Nivaldo de Oliveira Lancuna.
 
Altos - Rodrigo Carvalho; Dos Santos, Vitor Bafana (Leone), Marcelo e Tiaguinho; Vagner, Marconi e Esquerdinha (Patrick Recife); André Tavares, Manoel (Alex Mineiro) e Joelson. Técnico: Paulo Ricardo Kobayashi (Paulinho Kobayashi).

domingo, 23 de abril de 2017

River vence, assume liderança, e já está nas semifinais

Com um gol de Negueba a dez minutos do final, o River venceu o Parnahyba na tarde deste domingo (23), no Estádio Pedro Alelaf, em Parnaíba, assumiu a liderança isolada da Taça Cidade de Teresina e já garantiu sua classificação para as semifinais do segundo turno do Campeonato Piauiense.
 
O Tricolor agora soma 11 pontos ganhos, e ainda poderá ganhar mais dois, provenientes do jogo contra o Piauí, cujo desfecho será julgado pelo TJD, em face do Piauí ter ficado sem número legal para terminar o jogo. Com os atuais 11 pontos, o Galo já é, no mínimo, quarto colocado.
 
A penúltima rodada do returno será concluída amanhã à noite, com o jogo entre Flamengo e Altos, a partir das 20 horas, no Estádio Lindolfo Monteiro. Altos também já é semifinalista, enquanto o Flamengo mantém suas chances, com 6 pontos ainda por disputar.
 
FICHA TÉCNICA
 
PARNAHYBA 0x1 RIVER (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - 6ª rodada); Data: 23/04/2017 (domingo à tarde); Local: Estádio Pedro Alelaf (Parnaíba - PI); Arbitragem: Leonardo Marques Fortes, auxiliado por Francisco Nurisman Machado Gaspar e João Thiago Carvalho Reis.

Renda: R$ 8.895,00 com 925 pagantes (205 não pagantes).

Público total: 1.130 torcedores.
 
Gol: Negueba 35 do 2° tempo.
 
Cartões amarelos: Fabiano, Berg (PAR) e Gabriel (RIV).
 
Parnahyba - Alex; Thiago Granja, Gilmar Bahia, Renan e Berg; Ramón, Tininho, Marcos Gasolina (Hugo) e Doda Maranhense (Dênis); Yerien e Fabiano (Davison). Técnico: Fernando Tonet.
 
River - Leandro Silva; Amorim, Oscar Brizuela, Gabriel e Wesley; Amarildo, Juninho Paraíba (Negueba), Humberto e Keninha (Rodrigo Tiuí); Viola (Emerson) e André Luiz. Técnico: Eduardo Pedro Hungaro.

sábado, 22 de abril de 2017

SEP derrota Piauí e dá passo importante para não cair

No confronto entre os dois principais candidatos à vaga de rebaixamento para a 2ª Divisão de 2018, a Sociedade Esportiva de Picos aproveitou o fato de jogar em casa e derrotou o Piauí na noite deste sábado (22), no Estádio Helvídio Nunes, em Picos, por 2 a 0, com dois gols do artilheiro Raphael Freitas.
 
O jogo com 22 minutos de atraso, devido a falta de ambulância no Estádio Helvídio Nunes. Quando a bola rolou, a SEP mostrava-se melhor em campo. No Piauí, a ausência de vários titulares era sentida pelo time, que não conseguia repetir as boas atuações dos jogos contra Flamengo e Parnahyba. E numa penalidade máxima, Raphael Freitas abriu a contagem para Picos.
 
Na fase final, quando o cronômetro marcava 8 minutos, a ambulância teve que deixar o estádio para atender uma ocorrência e o árbitro paralisou o jogo. Depois de 20 minutos sem futebol, o problema foi solucionado com o retorno da ambulância e Raphael Freitas marcou o segundo gol, dando tranquilidade ao Zangão.
 
Com a vitória de 2 a 0, Picos igualou-se ao Piauí na pontuação geral do campeonato, onde o último colocado cairá para a 2ª Divisão. Ambos somam 10 pontos ganhos, mas a SEP ainda espera o desfecho do jogo Piauí 1x1 River, quando o time rubroanil ainda poderá perder o ponto conquistado dentro do campo por ter ficado sem número legal para continuar a partida. Mas mesmo com a situação atual, cada qual com 10 pontos, Picos leva vantagem no saldo de gols, figurando o Piauí, hoje, como 7° colocado na classificação geral da competição.
 
FICHA TÉCNICA
 
PICOS 2x0 PIAUÍ (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça cidade de Teresina - 6ª rodada); Data; 22/04/2017 (sábado à noite); Local: Estádio Helvídio Nunes (picos - PI); Arbitragem: Antônio Dib Moraes de Sousa, auxiliado por Thyago Costa Leitão e José Nilton da Costa.

Renda: R$ 1.868,00 com 253 pagantes (128 não pagantes).

Público total: 381 torcedores.
 
Gols: Raphael Freitas (pênalti) 20 do 1° tempo; Raphael Freitas 15 do 2°.
 
Cartões amarelo: Romário, Matheus, Rian, Guilherme, Tonhão (SEP), Lucas Borges, Wander, Ricardo Oliveira, Marcelo, Breno, Ramón e Nego Potiguar (PIA).
 
Expulsão: Wander, aos 26 do 2°, por prática de jogo brusco (segunda cartão amarelo).
 
Picos - Dionanton; Romário (Felipe), Emerson, Tonhão e Rian; Rafael Costa, Guilherme, Sorato e Idelvando; Raphael Freitas (Pará) e Matheus (Neguinho Paraíba). Técnico: Paulo Ricardo Moroni.
 
Piauí - Joel; Mury (Victor Salvador), Marcelo, Lucas Borges e Rafael (Ricardo Oliveira); Nego Potiguar, Breno, Wander e Cinelton;; Gleydisson (Ramon) e Sorín. Técnico: Marco Antônio dos Santos (Marcão).
 
 

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Altos cede empate e tabu com Parnahyba é mantido

Depois de um início avassalador, onde colocou 2 a 0 de vantagem em menos de trinta minutos, Altos cedeu o empate para o Parnahyba e o tabu do Tubarão, que nunca perdeu para o time altoense, continua bem vivo. O resultado, porém, não mudou o G4 que se configurava antes da partida, com Altos na liderança, River, 4 de Julho e Piauí nas posições seguintes.
 
Joelson marcou os dois primeiros gols da partida, mostrando que já está novamente em paz com o gol. Ainda na primeira fase, porém, Thiago Granja reduziu para 2 a 1. E, na fase de complemento, o nigeriano Yerién igualou as ações, com o placar final de 2 gols para cada equipe.
 
O segundo turno do Campeonato Piauiense terá prosseguimento neste sábado, com Picos x Piauí na cidade de Picos. No dia seguinte, tarde de domingo, o Parnahyba receberá o River no litoral. E na noite de segunda-feira, no Lindolfo Monteiro, o confronto entre Flamengo e Altos.
 
FICHA TÉCNICA
 
ALTOS 2x2 PARNAHYBA (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - 5ª rodada); Data: 20/04/2017 (quinta-feira à noite); Local: Estádio Lindolfo Monteiro (Teresina); Arbitragem; Antônio Santos Nunes, auxiliado por Thyago Costa leitão e Alisson Lima Damasceno.

Renda: R$ 1.368,00 com 222 pagantes (155 não pagantes).

Público total: 377 torcedores.
 
Gols: Joelson 11, Joelson (cabeça) 28 e Thiago Granja (cabeça) 44 do 1° tempo; Yerién 33 do 2°.
 
Cartões amarelos: Dos Santos, Esquerdinha (ALT), Ramón, Thiago Granja (PAR).
 
Altos - Rodrigo Carvalho; Dos Santos, Vitor Bafana, Marcelo e Tiaguinho; Marconi, Vagner e Esquerdinha (Patrick Recife); André Tavares (Chiquinho), Manoel e Joelson. Técnico: Paulo Ricardo Kobayashi (Paulinho Kobayashi).
 
Parnahyba - Alex; Thiago Granja, Gilmar Bahia, Renan e Bergue; Ramon, Marcos Gasolina, Dona Maranhense (Dênis) e Tininho; Jânio Daniel (Yerién) e Fabiano (Davison). Técnico: Fernando Tonet.
 

quarta-feira, 19 de abril de 2017

Viola marca mais um e River vence o clássico

No principal clássico do futebol piauiense, disputado na noite desta quarta-feira (19), no Estádio Lindolfo Monteiro (em Teresina), o River levou a melhor sobre seu arqui-rival Flamengo, derrotando-o por 2 a 1 e deixando-o afastado da zona de classificação. Com três pontos ganhos, o Rubro-Negro terá que fazer contas e vencer os próximos jogos para manter suas chances de ir às semifinais da Taça Cidade de Teresina.
 
O River abriu a contagem com o atacante Viola, que marcou seu 9° gol na competição, mantendo-se como principal artilheiro. O segundo gol veio com Juninho Paraíba. O Flamengo só descontou na fase final, quando Eduardo converteu uma penalidade máxima sofrida por ele mesmo. Outras chances foram criadas tanto por River quanto poelo Flamengo, mas o resultado final ficou em 2 a 1 para o Galo.
 
O Altos, que enfrenta o Parnahyba nesta quinta-feira, é o líder do returno, com 9 pontos ganhos, seguido de River e 4 de Julho, ambos com 8 pontos, com o Piauí vindo em quarto lugar, com 7 pontos.

FICHA TÉCNICA

RIVER 2x1 FLAMENGO (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - 5ª rodada); Data; 19/04/2017 (quarta-feira à noite); Local: Estádio Lindolfo Monteiro (Teresina - PI); Arbitragem: Antônio Dib Moraes de Sousa, auxiliado por Rogério de Oliveira Braga e João Thiago Carvalho Reis.

Renda: R$ 7.668,00 com 968 pagantes (253 não pagantes).

Público total: 1.221 torcedores.

Gols: Viola (cabeça) 13 e Juninho Paraíba 40 do 1° tempo; Eduardo (pênalti) 25 do 2°.
 
Cartões amarelos: Viola (RIV) e Ribeiro (FLA).
 
River - Leandro; Rossales, Oscar Brizuela, Gabriel e Amarildo; Amorim, André Luís (Ricardo Sena), Fabiano (Emerson), Keninha e Júnior Paraíba (Rodrigo Tiuí); Viola. Técnico: Eduardo Pedro Hungaro..
 
Flamengo - Evandrízio; Barata, Sadan (Fabinho), Alessandro e Tiaguinho; Lima (Rafinha), Ribeiro, Leo Maceió e Capela; Eduardo e Paulinho Cearense (Junior). Técnico: Nivaldo de Oliveira Lancuna.
 
 

4 de Julho, enfim, vence dentro de casa: 2 a 1 na SEP

Demorou, mas, finalmente, o 4 de Julho conseguiu vencer dentro de casa. Na noite desta quarta-feira (19), no Estádio Ytacoatiara, em Piripiri, o Colorado quebrou um jejum doméstico e triunfou sobre Picos, por 2 a 1, mantendo-se na zona de classificação para as semifinais da Taça Cidade de Teresina - o 2° turno do Campeonato Piauiense.

Juninho Pindaré abriu a contagem para o 4 de Julho, aproveitando assistência de Wilsinho. A vitória ficou melhor desenhada quando Pedra Preta ampliou para 2 a 0, porém, dois minutos mais tarde, o Zangão reduziu a diferença com Rafael Costa. Foi só um susto. A primeira vitória em casa finalmente aconteceu para alegria da torcida de Piripiri. Como o River venceu o Flamengo em Teresina, o 4 de Julho ocupa a 3ª colocação na zona de classificação.
 
FICHA TÉCNICA
 
4 DE JULHO 2x1 PICOS (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - 5ª rodada); Data: 19/04/2017 (quarta-feira à noite); Local: Estádio Ytacoatiara (Piripiri - PI); Arbitragem: Leonardo Marques Fortes, auxiliado por Márcio Iglesias Araújo Silva e Arnaldo Araújo Santos.

Renda: R$ 6.615,00 com 647 pagantes (48 não pagantes).

Público total: 695 torcedores.
 
Gols: Juninho Pindaré (cabeça) 15, Pedra Preta 39 e Rafael Costa 40 do 2° tempo.
 
Cartões amarelos: Hugo, Maycon, Pedra Preta (4J),  Sorato, Rafael Costa, Matheus e Raphael Freitas (SEP).
 
4 de Julho - Neto; Wilsinho, Charles Paraíba (Toninho Bahia), Hugo e Paulo Maranhão; Célio, Regis Pitbul, Maycon (Jorginho) e Juninho Pindaré; Pedra Preta (Binha) e Ted Love. Técnico: Pedro de Siqueira Manta.
 
Picos - Dionanton; Romário, Tonhão, Rafael Costa e Rian; Leleu (Matheus), Sorato, Guilherme e Idelvando; Pará (Felipe) e Neguinho Paraíba (Raphael Freitas). Técnico: Paulo Ricardo Moroni.
 

terça-feira, 18 de abril de 2017

Caso Fabiano: TJD extingue processo por falta de pagamento

Aguardado com ansiedade desde a denúncia oferecida pelo presidente do Flamengo, Thiago Vasconcelos, de que o Parnahyba teria colocado o atacante Fabiano para jogar de forma irregular, na semifinal do 1° turno, o julgamento do que ficou conhecido como Caso Fabiano não aconteceu. Antes mesmo de apreciar o mérito, a Comissão Disciplinar do TJD extinguiu o processo por falta de pagamento do preparo.
 
A tese foi uma das preliminares apresentadas pelo Parnahyba, que também alegava a perda de prazo para pleitear a questão junto a Justiça Desportiva. A preliminar que alegava falta de pagamento do preparo dos autos foi aceita e a Comissão Disciplinar extinguiu o processo. Nem precisou julgar o mérito se Fabiano jogou ou não de forma irregular.
 
A decisão, porém, cabe recurso ao Tribunal de Justiça Desportiva, instância imediatamente superior à Comissão Disciplinar. É o que o advogado do Flamengo, José do Egito, irá estudar com a diretoria do clube se vale a pena recorrer. A taxa que deveria ser paga, no entendimento dos auditores, tem valor de R$ 1.500,00. Diante do que ficou decidido hoje, o Parnahyba permanece como campeão da Taça Estado do Piaui - o 1° turno do Campeonato Piauiense, com presença assegurada na final do Campeonato Piauiense e vagas garantidas na Copa do Nordeste e na Copa do Brasil do próximo ano.
 

Números do Campeonato Piauiense após 36 jogos

Após 36 jogos disputados, confira como estão os números do Campeonato Piauiense. Com um detalhe importante: a classificação pode ter alterações caso o TJD aplique punição ao Piauí por ter ficado sem número legal para continuar o jogo de domingo passado, quando houve empate por 1 a 1 diante do River. Pelo regulamento geral de competições da Federação de Futebol do Piauí, nestes casos, o adversário é declarado vencedor pelo placar de 3 a 0. Mas, por enquanto, prevalece o resultado de campo.
 
CLASSIFICAÇÃO DA TAÇA CIDADE DE TERESINA

1° Altos, 9 pontos, 3 vitória, 6 gols de saldo e 8 gols marcados.
2° Piauí, 7 pontos, 2 vitórias, 2 gols de saldo e 6 gols marcados.
3° River, 5 pontos, 1 vitória, 3 gols de saldo e 6 gols marcados.
4° 4 de Julho, 5 pontos, 1 vitória, saldo 0 e 7 gols marcados.
5° Parnahyba, 4 pontos, 1 vitória, 1 gol de saldo e 3 gols marcado.
6° Flamengo, 3 pontos, 1 vitória, saldo -3 e 4 gols marcados.
7° Picos, 0 ponto, saldo -9 e 1 gol marcado.

CLASSIFICAÇÃO GERAL

1° Altos, 23 pontos, 7 vitórias, 8 gols de saldo e 16 gols marcados.
2° Parnahyba, 20 pontos, 6 vitórias, 5 gols de saldo e 15 gols marcados.
3° River, 15 pontos, 3 vitórias, 6 gols de saldo e 15 gols marcados.
4° Flamengo, 13 pontos, 4 vitórias, saldo -1 e 13 gols marcados.
5° 4 de Julho, 12 pontos, 3 vitórias, saldo 0 e 15 gols marcados.
6° Piauí, 10 pontos, 3 vitórias, saldo -6 e 12 gols marcados.
7° Picos, 7 pontos, 2 vitória, saldo -10 e 9 gols marcados.

PÚBLICO PAGANTE POR CLUBE
(média por jogo)

1.080 - River (10.805 pagantes em 10 jogos)
829 - Parnahyba (9.128 pagantes em 11 jogos)
782 - Flamengo (7.822 pagantes em 10 jogos)
743 - Picos (7.434 pagantes em 10 jogos).
639 - 4 de Julho (6.398 pagantes em 10 jogos).
618 - Altos (6.805 pagantes em 11 jogos)
416 - Piauí (4.164 pagantes em 10 jogos)

PÚBLICO PAGANTE COMO MANDANTE
(média por jogo)
 
1.020 - Picos (5.104 pagantes em 5 jogos).
865 - Flamengo (4.328 pagantes em 5 jogos)
819 - Parnahyba (4.098 pagantes em 5 jogos)
794 - 4 de Julho (3.973 pagantes em 5 jogos)
654 - Altos (3.928 pagantes em 6 jogos)
641 - River (3.208 pagantes em 5 jogos)
339 - Piauí (1.699 pagantes em 5 jogos)

PÚBLICO PAGANTE POR CIDADES
(média por jogo)
 
1.020 - Picos (5.104 pagantes em 5 jogos).
819 - Parnaíba (4.098 pagantes em 5 jogos)
794 - Piripiri (3.973 pagantes em 5 jogos)
626 - Teresina (13.163 pagantes em 21 jogos)

ARTILHEIROS

8 gols - Viola (River).

5 gols - Juninho Pindaré (4 de Julho) e Eduardo (Flamengo).

4 gols - Ted Love (4 de Julho), Joelson (Altos) e Raphael Freitas (Picos).

3 gols - André Tavares (Altos), Barata (Flamengo), Yerién, Jânio Daniel (Parnahyba), Gleydson (Piauí) e Candinho (Picos).

2 gols - Maycon (4 de Julho), Manoel, Tiaguinho (Altos), Tininho (Parnahyba), Victor Salvador (Piauí) e Tety (River).

1 gol - Célio Mata Boi, Wilsinho, Régis Pitbul (4 de Julho), Uilliam, Leone, Esquerdinha, Alex Mineiro  (Altos), Vitor Recife, Joninha, William Goiano, Tiaguinho, Miltão (Flamengo), Marcos Gasolina, Thiago Granja, Renan, Dunga, Gilmar Bahia, Doda Maranhense, Dênis (Parnahyba), Ricardo Oliveira, Sorín, Robério, Lucas Borges, Alisson, Nil, Dudu  (Piauí), Felipe (Picos), Oscar Brizuela, Humberto, Rodrigo Tiuí, Gabriel e Negueba (River).

GOLS CONTRA

1 gol - Humberto (River, em favor de Picos) e Didi (Piauí, em favor de Altos).

GOLEIROS COM MELHOR APROVEITAMENTO
(média de gols sofridos por jogo)
 
0,62 - Rodrigo Carvalho (Altos) - 5 gols em 8 jogos.
 
0,88 - Alex (Parnahyba) - 8 gols em 9 jogos.
 
0,90 - Leandro Silva (River) - 9 gols em 10 jogos.
 
1 gol por jogo - Santos (Flamengo) - 7 gols em 7 jogos -, -, Alex Alves (Altos) - 3 gols em 3 jogos -, e Ribamar (Parnahyba) - 2 gols em 2 jogos.
 
1,33 - Jaílson (4 de Julho) - 8 gols em 6 jogos.
 
1,50 - Evandrízio (Flamengo) - 3 gols em 2 jogos - e  Lucas Conceição (PIauí) - 12 gols em 8 jogos.
 
1,75 - Neto (4 de Julho) - 7 gols em 4 jogos.
 
2 gols por jogo - Dionanton (Picos) - 8 gols em 4 jogos - e Amaral (Picos) - 6 gols em 3 jogos .
 
2,33 - Dionanton (Picos) - 7 gols em 3 jogos.
 
3 gols por jogo - Joel (Piauí) - 6 gols em 2 jogos.
 
4 gols por jogo - Robson (Flamengo) - 4 gols em 1 jogo.

 ESTÁDIOS UTILIZADOS

21 jogos - Lindolfo Monteiro (Teresina).
5 jogos - Pedro Alelaf (Parnaíba), Ytacoatiara (Piripiri) e Helvídio Nunes (Picos).

ÁRBITROS QUE APITARAM

9 jogos - Antônio Santos Nunes.

7 jogos - Antônio Dib Moraes de Sousa

5 jogos - Leonardo Marques Fortes e Diego da Silva Castro.

3 jogos - Antônio José Lopes Trindade de Sousa.
 
2 jogos - Hélio Fábio Pinto de Queiróz, Antônio Francisco Cordeiro de Paula,

1 jogo - Djalma Alves de Lima Filho,  e Lindomar de Araújo Oliveira.

ÁRBITROS ASSISTENTES

9 jogos - Alisson Lima Damasceno e Marcio Iglesias Araújo Silva.

6 jogos - Ozeas de Sousa dos Santos e Rogério de Oliveira Braga.

5 jogos - Arnaldo Araújo Santos.

4 jogos - Mauro Cezar Evangelista de Sousa e Wilson dos Santos Júnior, Antônio Sergio de Sousa Araújo, Maura Cunha Costa e Francisco Nurisman Machado Gaspar.

3 jogos - Janystony Rabelo de Melo e Luiz Gonzaga da Silva Filho.

2 jogos - André da Silva Andrade, Francisco das Chagas Santos Filho, João Thiago Carvalho Reis e Raimundo David dos Reis Alves.

1 jogo - Thyago Costa Leitão e José Nilton da Costa.

ATAQUES
 
16 gols - Altos.
15 gols - Parnahyba e River.
12 gols - Flamengo e Piauí.
11 gols - 4 de Julho.
9 gols - Picos.

DEFESAS
 
8 gols - Altos.
9 gols - River.
10 gols - Parnahyba e Flamengo.
14 gols - 4 de Julho.
18 gols - Piauí,
21 gols - Picos

MARCAS HISTÓRICAS

1° gol - Viola (River), no jogo Picos 2x2 River, em 31/01/2017.
50° gol - Yerién (Parnahyba), no jogo Parnahyba 2x1 Flamengo, em 15/03/2017.

GOLS MAIS RÁPIDOS

1 minuto - Ted Love (4 de Julho), no jogo Parnahyba 0x1 4 de Julho, em 11/02/2017.
2 minutos - Joelson (Altos), no jogo Altos 3x0 4 de Julho, em 08/04/2017.
2 minutos - Dudu (Piauí), no jogo Piauí 1x1 River, em 16/04/2017.

TÉCNICOS QUE MAIS VENCERAM

6 jogos - Fernando Tonet (Parnahyba).
3 jogos -  Francisco Diá, Paulinho Kobayashi (Altos).
2 jogos - Luiz Miguel (4 de Julho), Eduardo Hungaro (River), Fabiano Macau (Piauí) e Nivaldo Lancuna (Flamengo 1 e Picos 1).
1 jogo - Ruy Scarpino (Altos), Marcão (Piauí), Paulo Moroni (Picos), Waldemar Lemos (River), Cícero Monteiro, Guto Teixeira e Celso Teixeira (Flamengo).

TÉCNICOS QUE MAIS PERDERAM

5 jogos - Paulo Moroni (Picos).
4 jogos - Marcão (Piauí),
3 jogos - Luiz Miguel (4 de Julho), Fernando Tonet (Parnahyba) e Nivaldo Lancuna (Picos 2 e Flamengo 1).
2 jogos - Ruy Scarpino (Altos), Cícero Monteiro (Flamengo), e Fabiano Macau (Piauí).
1 jogo - Celso Teixeira (Flamengo), Eduardo Hungaro (River), Pedro Manta (4 de Julho),
 
PRÓXIMOS JOGOS
5ª rodada
19/04 (quarta-feira) - 20 horas
Lindolfo Monteiro (Teresina) - RIVER X FLAMENGO
Ytacoatiara (Piripiri) - 4 DE JULHO X PICOS
 
20/04 (quinta-feira) - 20h00
Lindolfo Monteiro (Teresina) - ALTOS X PARNAHYBA
 
 

domingo, 16 de abril de 2017

Empate no LM deve ser vencido pelo River no TJD

Um empate que tinha tudo para ser dos mais heroicos, por parte do Piauí, diante do River, na tarde/noite deste domingo (16), no Estádio Lindolfo Monteiro, em Teresina, deve transformar-se em vitória tricolor no tapetão. Com três jogadores expulsos, o Piauí ainda sustentava o empate a poucos minutos do final. Mas teve dois jogadores contundidos e ficou sem número legal para dar prosseguimento à partida. Pelo regulamento, o Galo deverá ganhar os três pontos na Justiça Desportiva.
 
Dudu abriu a contagem para o time rubro-anil, em cobrança de falta, a 2 minutos de partida. Aos 18, através de uma penalidade máxima, Viola empatou, marcando seu 8° gol na competição. Ainda no primeiro tempo, o Piauí teve seu primeiro atleta expulso, o zagueiro Alisson. Na fase final, Dudu foi expulso aos 20, e Testinha aos 41. Poucos minutos depois foi a vez dfe Humberto, do River, ser excluído do jogo.
 
Com oito atletas em campo, o Piauí segurava um heroico empate, que lhe daria um ponto importantíssimo na disputa contra o rebaixamento e mesmo na busca por uma das vagas do G4. Mas dois atletas deixaram o campo contundidos e o regulamento do campeonato prevê, em seu artigo 20, que, quando uma equipe der causa à interrupção do seu jogo por insuficiência técnica, o adversário será declarado vencedor por 1 a 0. Em breve, pois, este empate de 1 a 1, com um ponto para cada equipe, será transformado em vitória do River por 1 a 0, com os três pontos para o tricampeão piauiense.
 
FICHA TÉCNICA
 
PIAUÍ 1x1 RIVER (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 2° Turno - Taça Cidade de Teresina - Jogo adiado da 2ª rodada); Data; 16/04/2017 (domingo à tarde); Local: Estádio Lindolfo Monteiro (Teresina); Arbitragem: Antônio José Lopes Trindade de Sousa, auxiliado por Francisco Nurisman Machado Gaspar e André da Silva Andrade.

Renda: R$ 7.440,00 com 522 pagantes (102 não pagantes).

Público total: 624 torcedores.
 
Gols: Dudu (falta) 2 e Viola (pênalti) 18 do 1° tempo.
 
Cartões amarelos: Alisson, Lucas Conceição, Dudu, Nil, Testinha, Mury (PIA), Amarildo e Fabiano (RIV).
 
Expulsões: Alisson, aos 34 do 1°, Dudu, aos 20, Testinha aos 41, Humberto, aos 46, os três últimos no 2° tempo, todos com cartão vermelho direto. Dudu, por ofensas morais ao árbitro. Os demais, por prática de jogo brusco.

Obs.: o árbitro encerrou a partida antes do tempo regulamentar (aos 43 minutos do 2° tempo), em face do Piauí ter ficado sem número legal de atletas para continuar jogando, devido a saída de mais dois atletas - Nil e Cinelton -, contundidos.
 
Piauí - Lucas Conceição; Mury, Alisson, Lucas Borges e Rafael (Marcelo); Nego Potiguar, Dudu, Wander (Breno) e Testinha; Gleydisson (Cinelton) e Nil. Técnico: Fabiano Aragão Macau.
 
River - Leandro Silva; Rossales, Oscar Brizuela, Gabriel e André Luiz; Amarildo (Humberto), Amorim (Gláucio), Juninho Paraíba e Fabiano (Keninha); Viola e Negueba. Técnico: Eduardo Pedro Hungaro.
 

Altos se destaca nos números do Campeonato Piauiense

Altos mantém 100% de aproveitamento no returno (Foto - Luís Junior / AA Altos).
Com três vitórias em três jogos disputados, a Associação Atlética de Altos mantém 100% de aproveitamento e ocupa a liderança isolada da Taça Cidade de Teresina - 2° turno do Campeonato Piauiense. Nos números da competição, o time altoense também se destaca com o melhor ataque, a melhor defesa, melhor saldo de gols, o goleiro de melhor aproveitamento. Em toda a competição, computando-se todos os jogos, o Jacaré também tem o melhor índice técnico. Confira, abaixo, alguns dos principais números do Campeonato Piauiense antes do único jogo desta tarde, entre Piauí e River.

CLASSIFICAÇÃO DA TAÇA CIDADE DE TERESINA

1° Altos, 9 pontos, 3 vitória, 6 gols de saldo e 8 gols marcados.
2° Piauí, 6 pontos, 2 vitórias, 2 gols de saldo e 5 gols marcados.
3° 4 de Julho, 5 pontos, 1 vitória, saldo 0 e 7 gols marcados.
4° River, 4 pontos, 1 vitória, 3 gols de saldo e 5 gols marcados.
5° Parnahyba, 4 pontos, 1 vitória, 1 gol de saldo e 3 gols marcado.
6° Flamengo, 3 pontos, 1 vitória, saldo -3 e 4 gols marcados.
7° Picos, 0 ponto, saldo -9 e 1 gol marcado.

CLASSIFICAÇÃO GERAL

1° Altos, 23 pontos, 7 vitórias, 8 gols de saldo e 16 gols marcados.
2° Parnahyba, 20 pontos, 6 vitórias, 5 gols de saldo e 15 gols marcados.
3° River, 14 pontos, 3 vitórias, 6 gols de saldo e 14 gols marcados.
4° Flamengo, 13 pontos, 4 vitórias, saldo -1 e 13 gols marcados.
5° 4 de Julho, 12 pontos, 3 vitórias, saldo 0 e 15 gols marcados.
6° Piauí, 9 pontos, 3 vitórias, saldo -6 e 11 gols marcados.
7° Picos, 7 pontos, 2 vitória, saldo -10 e 9 gols marcados.

PÚBLICO PAGANTE POR CLUBE
(média por jogo)

1.142 - River (10.283 pagantes em 9 jogos)
829 - Parnahyba (9.128 pagantes em 11 jogos)
782 - Flamengo (7.822 pagantes em 10 jogos)
743 - Picos (7.434 pagantes em 10 jogos).
639 - 4 de Julho (6.398 pagantes em 10 jogos).
618 - Altos (6.805 pagantes em 11 jogos)
404 - Piauí (3.642 pagantes em 9 jogos)

PÚBLICO PAGANTE COMO MANDANTE
(média por jogo)
 
1.020 - Picos (5.104 pagantes em 5 jogos).
865 - Flamengo (4.328 pagantes em 5 jogos)
819 - Parnahyba (4.098 pagantes em 5 jogos)
794 - 4 de Julho (3.973 pagantes em 5 jogos)
654 - Altos (3.928 pagantes em 6 jogos)
641 - River (3.208 pagantes em 5 jogos)
294 - Piauí (1.177 pagantes em 4 jogos)

PÚBLICO PAGANTE POR CIDADES
(média por jogo)
 
1.020 - Picos (5.104 pagantes em 5 jogos).
819 - Parnaíba (4.098 pagantes em 5 jogos)
794 - Piripiri (3.973 pagantes em 5 jogos)
632 - Teresina (12.641 pagantes em 20 jogos)

ARTILHEIROS

7 gols - Viola (River).

5 gols - Juninho Pindaré (4 de Julho) e Eduardo (Flamengo).

4 gols - Ted Love (4 de Julho), Joelson (Altos) e Raphael Freitas (Picos).

3 gols - André Tavares (Altos), Barata (Flamengo), Yerién, Jânio Daniel (Parnahyba), Gleydson (Piauí) e Candinho (Picos).

2 gols - Maycon (4 de Julho), Manoel, Tiaguinho (Altos), Tininho (Parnahyba), Victor Salvador (Piauí) e Tety (River).

1 gol - Célio Mata Boi, Wilsinho, Régis Pitbul (4 de Julho), Uilliam, Leone, Esquerdinha, Alex Mineiro  (Altos), Vitor Recife, Joninha, William Goiano, Tiaguinho, Miltão (Flamengo), Marcos Gasolina, Thiago Granja, Renan, Dunga, Gilmar Bahia, Doda Maranhense, Dênis (Parnahyba), Ricardo Oliveira, Sorín, Robério, Lucas Borges, Alisson, Nil  (Piauí), Felipe (Picos), Oscar Brizuela, Humberto, Rodrigo Tiuí, Gabriel e Negueba (River).

GOLS CONTRA

1 gol - Humberto (River, em favor de Picos) e Didi (Piauí, em favor de Altos).

GOLEIROS COM MELHOR APROVEITAMENTO
(média de gols sofridos por jogo)
 
0,62 - Rodrigo Carvalho (Altos) - 5 gols em 8 jogos.
 
0,88 - Alex (Parnahyba) e Leandro Silva (River) - 8 gols em 9 jogos.
 
1 gol por jogo - Santos (Flamengo) - 7 gols em 7 jogos -, -, Alex Alves (Altos) - 3 gols em 3 jogos -, e Ribamar (Parnahyba) - 2 gols em 2 jogos.
 
1,33 - Jaílson (4 de Julho) - 8 gols em 6 jogos.
 
1,50 - Evandrízio (Flamengo) - 3 gols em 2 jogos.
 
1,57 - Lucas Conceição (PIauí) - 11 gols em 7 jogos.
 
1,75 - Neto (4 de Julho) - 7 gols em 4 jogos.
 
2 gols por jogo - Dionanton (Picos) - 8 gols em 4 jogos - e Amaral (Picos) - 6 gols em 3 jogos .
 
2,33 - Dionanton (Picos) - 7 gols em 3 jogos.
 
3 gols por jogo - Joel (Piauí) - 6 gols em 2 jogos.
 
4 gols por jogo - Robson (Flamengo) - 4 gols em 1 jogo.

 ESTÁDIOS UTILIZADOS

20 jogos - Lindolfo Monteiro (Teresina).
5 jogos - Pedro Alelaf (Parnaíba), Ytacoatiara (Piripiri) e Helvídio Nunes (Picos).

ÁRBITROS QUE APITARAM

9 jogos - Antônio Santos Nunes.

7 jogos - Antônio Dib Moraes de Sousa

5 jogos - Leonardo Marques Fortes, Diego da Silva Castro.

2 jogos - Antônio José Lopes Trindade de Sousa, Hélio Fábio Pinto de Queiróz, Antônio Francisco Cordeiro de Paula,

1 jogo - Djalma Alves de Lima Filho,  e Lindomar de Araújo Oliveira.

ÁRBITROS ASSISTENTES

9 jogos - Alisson Lima Damasceno e Marcio Iglesias Araújo Silva.

6 jogos - Ozeas de Sousa dos Santos e Rogério de Oliveira Braga.

5 jogos - Arnaldo Araújo Santos.

4 jogos - Mauro Cezar Evangelista de Sousa e Wilson dos Santos Júnior, Antônio Sergio de Sousa Araújo e Maura Cunha Costa.

3 jogos - Francisco Nurisman Machado Gaspar, Janystony Rabelo de Melo e Luiz Gonzaga da Silva Filho.

2 jogos - Francisco das Chagas Santos Filho, João Thiago Carvalho Reis e Raimundo David dos Reis Alves.

1 jogo - André da Silva  Andrade, Thyago Costa Leitão e José Nilton da Costa.

ATAQUES
 
16 gols - Altos.
15 gols - Parnahyba.
14 gols - River.
12 gols - Flamengo..
11 gols - 4 de Julho e Piauí.
9 gols - Picos.

DEFESAS
 
8 gols - Altos e River.
10 gols - Parnahyba e Flamengo.
14 gols - 4 de Julho.
17 gols - Piauí,
21 gols - Picos

MARCAS HISTÓRICAS

1° gol - Viola (River), no jogo Picos 2x2 River, em 31/01/2017.
50° gol - Yerién (Parnahyba), no jogo Parnahyba 2x1 Flamengo, em 15/03/2017.

GOLS MAIS RÁPIDOS

1 minuto - Ted Love (4 de Julho), no jogo Parnahyba 0x1 4 de Julho, em 11/02/2017.
2 minutos - Joelson (Altos), no jogo Altos 3x0 4 de Julho, em 08/04/2017.
6 minutos - Eduardo (Flamengo), no jogo Flamengo 1s2 Picos, em 11/02/2017.

TÉCNICOS QUE MAIS VENCERAM

6 jogos - Fernando Tonet (Parnahyba).
3 jogos -  Francisco Diá, Paulinho Kobayashi (Altos).
2 jogos - Luiz Miguel (4 de Julho), Eduardo Hungaro (River), Fabiano Macau (Piauí) e Nivaldo Lancuna (Flamengo 1 e Picos 1).
1 jogo - Ruy Scarpino (Altos), Marcão (Piauí), Paulo Moroni (Picos), Waldemar Lemos (River), Cícero Monteiro, Guto Teixeira e Celso Teixeira (Flamengo).

TÉCNICOS QUE MAIS PERDERAM

5 jogos - Paulo Moroni (Picos).
4 jogos - Marcão (Piauí),
3 jogos - Luiz Miguel (4 de Julho), Fernando Tonet (Parnahyba) e Nivaldo Lancuna (Picos 2 e Flamengo 1).
2 jogos - Ruy Scarpino (Altos), Cícero Monteiro (Flamengo), e Fabiano Macau (Piauí).
1 jogo - Celso Teixeira (Flamengo), Eduardo Hungaro (River), Pedro Manta (4 de Julho),