terça-feira, 31 de março de 2015

Piauí eliminado com chuvas de água e de gols no Alberrtão

Um jogo debaixo de duas chuvas: uma de água e outra de gols. Foi neste diapasão que o Piauí foi eliminado pelo Salgueiro na noite desta terça-feira (31), no Estádio Albertão, em Teresina, em jogo do Grupo 14 da Copa do Brasil. Sem vários titulares, o vice-campeão piauiense não viu a cor da bola e está fora da competição promovida pela CBF.

O início, porém, foi até alentador. Com apenas 4 minutos, Niel abriu a contagem para o Piauí. Pouco tempo depois o árbitro deixaria de marcar uma penalidade máxima em favor do time rubroanil. Depois disso, só o Salgueiro jogou. E virou para 4 a 1 ainda na primeira fase, com gols de Paulinho Mossoró, Kanu (2 vezes) e Valdeir.

A etapa final serviu apenas para o time pernambucano administrar a vantagem. Mesmo assim, ainda chegou ao quinto gol, novamente de Kanu. Com a goleada, o Salgueiro continua na competição e agora fará sua participação na segunda fase tendo o Flamengo do Rio como adversário.

FICHA TÉCNICA

PIAUÍ 1x5 SALGUEIRO (Copa do Brasil - 1ª fase - Grupo 14 - Jogo de ida); Data: 31/03/2015 (terça-feira à noite); Local: Estádio Albertão (em Teresina); Arbitragem: Paulo Sergio Santos Moreira, auxiliado por Antonio Fernando de Sousa Santos e Ivanildo Gonçalves da Silva (todos do Maranhão).

Renda: R$ 9.830,00 com 89 pagantes (86 não pagantes).

Público total: 176 torcedores.

Gols: Niel 4 do 1° tempo; Paulinho Mossoró 31, Kanu 37, Kanu 43 e Valdeir 47 do 1° tempo; Kanu 38 do 2°.

Cartões amarelos: Binha, Alex (PIA), Paulinho Mossoró, Lúcio, Marlon, Ranieri, Rodolfo Potiguar e Pio (SAL).

Expulsões: Allan, aos 28 (vermelho direto), e Binha, aos 41 (segundo amarelo), ambos no 2° tempo, por jogo violento.

Piauí - David; Niel (Jorginho), Sadan (Allan), Rafinha e Rian; Marcos Gasolina, Binha, Dalton e Darley (Ítalo); Edson Di e Alex. Técnico: Paulo Ricardo Moroni.

Salgueiro - Luciano; Marcos Tamandaré, Ranieri, Lúcio (Marlon) e Rogério Paraíba; Rodolfo Potiguar (Clebinho), Moreilândia (Cássiio Ortega), Pio e Valdeir; Paulinho Mossoró e Kanu. Técnico: Sérgio Ricardo de Figueiredo (Sérgio China).

 

Albertão: Piauí e Salgueiro se enfrentam pela Copa do Brasil

Na Copa do Nordeste, foram dois empates de 0 a 0 entre Piauí e Salgueiro (Foto - MAURÍCIO POKEMON).
O futebol piauiense estréia na Copa do Brasil 2015 na noite desta terça-feira (31), quando, a partir das 20h30, no Estádiio Albertão (em Teresina), o Piauí voltará a enfrentar o Salgueiro, de Salgueiro (PE), um de seus adversários na Copa do Nordeste. Depois de dois empates na competição regional, hoje eles buscam a vitória numa espécie de tira-teima.

Além do aspecto de passar de fase e continuar vivo na competição, a segunda fase representa, para Piauí ou Salgueiro, uma grande possibilidade de engordar o cofre, uma vez que o próximo adversário será o Flamengo do Rio.

A arbitragem de Piauí x Salgueiro estará confiada a um trio maranhense: Paulo Sergio Santos Moreira, auxiliado pelos assistentes Antonio Fernando de Sousa Santos e Ivanildo Gonçalves da Silva. O quarto árbitro será Antonio Dib Moraes de Sousa.

TIMES PROVÁVEIS

Piauí - David; Jorginho, Rafinha, Dalton e Thiaguinho; Marcos Gasolina, Binha e Cláudio; Edson Di e Ítalo.

Salgueiro - Luciano; Marcos Tamandaré, Ranieri, Rogério e Lúcio; Rodolfo Potiguar, Moreilândia, Vitor Caicó e Cássio (Paulinho Mossoró); Valdeir e Anderson Lessa (Alemão).

domingo, 29 de março de 2015

Caiçara e 4 de Julho fecham rodada com empate

Cinelton domina para o 4 de Julho. Eli e Ribeiro tentam recuperar a posse de bola para o Caiçara (Foto - Wellington Leite/futebolpiauiense.com.br).
Repetindo o que mais aconteceu neste início de Campeonato Piauiense, Caiçara e 4 de Julho concluíram a terceira rodada da Taça Estado do Piauí, na tarde deste domingo (29), com mais um empate de 0 a 0, em jogo de bom público presente ao Estádio Deusdedit de Melo, em Campo Maior. Quem mais gostou do resultado foi o River, que vai para o próximo jogo como líder isolado da competição.
 
Em Campo Maior, o jogo teve amplo domínio do Caiçara no primeiro tempo, com o goleiro Jaílson se sobressaindo na meta colorada. Em duas ocasiões chegou bem perto de ser vencido, mas o 0 a 0 permaneceu. O mesmo empate que também seria a tônica da fase final, embora o 4 de Julho tenha melhorado bastante.
 
Com este resultado, Caiçara e 4 de Julho passaram a somar 3 pontos ganhos, mas com a vantagem do time caiçarino, que leva a melhor no critério de gols marcados, o que lhe mantém na zona de classificação, ao passo que o 4 de Julho figura como quinto colocado, à frente apenas do lanterna Piauí.
 
FICHA TÉCNICA
 
CAIÇARA 0x0 4 DE JULHO (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 1° Turno - Taça Estado do Piauí - 3ª rodada); Data; 29/03/2015 (domingo à tarde); Local: Estádio Deusdedit de Melo (em Campo Maior); Arbitragem: Héliio Fábio Pinto de Queiróz, auxiliado por Rogério de Oliveira Braga e Luiz Gonzaga da Silva Filho.

Renda: R$ 9.720,00 com 689 pagantes (217 não pagantes).

Público total: 906 torcedores.
 
Cartões amarelos: Mouha, Eli (CAI), Maranguape, Eduardo, Vanderley, Wilsinho e Cinelton (4J).
 
Caiçara - Toni; Eli, Renan, André Luiz e Adelson; Amorim, Alan, Ribeiro e Júnior Cearense; Rinaldo (Gazito, depois John) e Wanderson Gordo (Mouha). Técnico; Alex Sandro Santana de Oliveira (Paulo Isidoro).
 
4 de Julho - Jaílson; Wilsinho, Maranguape, Mayrton e Eduardo; Helinho (Vanderley), Adriano (Edinaldo), Cinelton e Pretinho; Pedra Preta (Italo) e Tenílson. Técnico: Cláudio Leite da Silva.

Caiçara e 4 de Julho buscam a liderança à tarde

Em jogo que deve levar numeroso público às dependências do Estádio Deusdedit de Melo, em Campo Maior, na tarde deste domingo (29), Caiçara e 4 de Julho concluem a terceira rodada da Taça Estado do Piauí (1° turno do Campeonato Piauiense) de olho na liderança. Ambos ainda não venceram, somam dois pontos, fruto de dois empates, mas uma vitória, dependendo da diferença de gols, pode coloca-los na liderança após o encerramento da partida.
 
Com saldo zero, ambos precisam vencer por dois gols de diferença para isolar-se em primeiro lugar, deixando o River na segunda colocação. Quem obtiver esta vantagem passará a somar 5 pontos e saldo de 2 gols, enquanto o líder River tem 5 pontos e 1 gol de saldo.
 
As duas torcidas depositam suas fichas em dois experientes artilheiros: Rinaldo (Caiçara) e Pretinho (4 de Julho). Caiçara e 4 de Julho terá direção de Hélio Fábio, auxiliado por Rogério de Oliveira Braga e Luiz Gonzaga.

sábado, 28 de março de 2015

River assume liderança ao derrotar o Parnahyba

Amarildo ganha a jogada. Ganhou o jogo também. E a liderança.
Ao vencer o Parnahyba na noite deste sábado (28), no jogo principal da rodada dupla que abriu a terceira rodada da Taça Estado do Piauí (o 1° turno do Campeonato Piauiense), o River assumiu a liderança da competição de forma isolada, deixando o time do litoral na segunda colocação.
 
A vitória tricolor veio de virada, depois do Parnahyba abrir a contagem no início da partida, quando o estreante Thiago Lima completou uma jogada de Lekão e colocou sua equipe na frente, aos 6 minutos. Melhor em campo, o Parnahyba não soube ampliar a vantagem e permitiu que o River chegasse ao empate.

Thiago Lima briga pela bola contra Siderval e Paulo Paraíba. O estreante do Parnahyba deixou sua marca.
O River tinha até um homem a menos, em face da expulsão de Rogério, quando Fabinho aproveitou bola levantada para a área, por Esquerdinha, e chutou forte para vencer a perícia do goleiro Alisson. Na fase final, uma penalidade máxima deu a vitória ao Tricolor, com Esquerdinha convertendo o gol que garantiu o triunfo por 2 a 1.
 
Depois do jogo, dirigentes e atletas do time parnaibano mostraram-se muito revoltados com o trabalho do árbitro Leonardo Marques, questionando a marcação do pênalti que resultou no gol da vitória riverina.
 
FICHA TÉCNICA
 
RIVER 2x1 PARNAHYBA (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 1° Turno - Taça Estado do Piauí - 3ª rodada); Data: 28/03/2015 (sábado à noite); Local: Estádio Albertão (em Teresina); Arbitragem: Leonardo Marques Fortes, auxiliado por João Thiago Carvalho Reis e Jonystony Rabelo.
 
Renda: R$ 13.195,00 com 630 pagantes.
 
Gols: Thiago Lima 6 e Fabinho 37 do 1° tempo; Esquerdinha (pênalti) 19 do 2°.
 
Cartões amarelos; Rogério, Thiago Marabá, Amarildo (RIV), Puxa, Fred, Isael William, Totonho, Luciano, Allyson e Tadeu (PAR).
 
Expulsões: Rogério, aos 35 do 1°, por empurrar acintosamente um adversário (segunda advertência), e Fred, no intervalo, por atingir, com uma cabeçada no rosto, o atleta adversário Siderval (cartão vermelho direto).
 
River - Naylson; Tote, Paulo Paraíba, Índio e Siderval; Amarildo, Thiago Dias, Rogério e Esquerdinha (Kássio); Eduardo (Fabinho) e Netinho (Thiago Marabá). Técnico: Flávio José Araújo.
 
Parnahyba - Allysson; Barata, Jeferson, Puxa (Bill) e Fred; Luciano (Renato Frota), Tadeu, Totonho e Isael William (Weverton); Thiago Lima e Lekão. Técnico: Paolo Rossi.
 
 

Flamengo se reabilita com vitória sobre o Piauí

Festa rubro-negra: Joniel marca o 1° gol do Flamengo no campeonato, garantindo a vitória diante do Piauí.
Com um gol do atacante Joniel, cobrando penalidade máxima no início da partida, o Flamengo conseguiu uma boa vitória diante do Piauí e se reabilitou do insucesso da última segunda-feira, quando foi derrotado pelo Parnahyba. Na preliminar da tarde deste sábado (28), no Estádio Albertão, o time rubro-negro conseguiu equilibrar as ações contra o vice-campeão piauiense.
 
O Piauí promoveu a estréia do ala direita Niel, ex-Flamengo, mas nem assim conseguiu reagir diante da adversidade. Teve bons momentos de domínio do jogo, mas não acertou no momento final da conclusão a gol. Com a vitória, o Flamengo passou a somar 4 pontos ganhos e sai da incômoda situação de lanterna.

O Piauí busca o empate na cabeçada de Eduardo Junho. Em vão. O goleiro Preto pegou todas que tinham endereço certo.
FICHA TÉCNICA
 
PIAUÍ 0x1 FLAMENGO (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 1° Turno - Taça Estado do Piauí - 3ª rodada); Data: 28/03/2015 (sábado à tarde); Local: Estádio Albertão (em Teresina - preliminar de River x Parnahyba); Arbitragem: Antônio Dib Moraes de Sousa, auxiliado por José Nilton da Costa e Antônio Sérgio de Sousa Araújo.
 
Gol: Joniel (pênalti) 9 do 1° tempo.
 
Cartões amarelos: Cosmo, Bodó, Jarbas, Augusto (FLA), Rafael Negão e Eduardo Junho (PIA).

Piauí - David; Niel, Rafael Negão, Eduardo Junho e Tiaguinho; Dalton, Binha, Alan (Silas) e Luís Cláudio (Fabiano); Edson Di e Ítalo (Pablo). Técnico: Paulo Ricardo Moroni.

Flamengo - Preto; Bodó (Artur), Paulo Maranhão, Wildinho e Davi; Cosmo, Mimi (Mateus), Zuza e Jarbas; Joniel e Naylan (Augusto). Técnico: Jorge Pinheiro e Silva.
  
 

Rodada dupla movimenta Piauiense no Albertão

River e Parnahyba voltam a se enfrentar, desta feita no Estádio Albertão, com o time do litoral defendendo a liderança da Taça Estado do Piauí.
Dois jogos darão sequência à Taça Estado do Piauí (o primeiro turno do Campeonato Piauiense), na tarde/noite deste sábado (28), no Estádio Albertão, em Teresina. A rodada dupla terá início a partir das 16 horas, com a seguinte programação:
 
Na preliminar (16h00), estarão se enfrentando Flamengo e Piauí, com arbitragem de Antonio Dib Moraes de Sousa, auxiliado pelos assistentes José Nilton da Costa e Antonio Sergio de Sousa. Será o primeiro jogo do atacante Edson Di contra o Flamengo, equipe da qual foi o principal goleador em 2013.
 
No jogo de fundo (18h00), o Parnahyba defenderá a liderança da competição contra o River. O árbitro será Leonardo Marques Fortes, auxiliado por João Thiago Carvalho Reis e Jonystony Rabelo. O terceiro jogo da rodada (Caiçara x 4 de Julho) acontecerá só amanhã (domingo), na cidade de Campo Maior.
 
 

terça-feira, 24 de março de 2015

Parnahyba faz a festa em cima do Flamengo

Depois de cinco empates, pela primeira vez um time sai vencedor na Taça Estado do Piauí (o 1° turno do Campeonato Piauiense). E trata-se do Parnahyba, que não tomou conhecimento do fato de jogar fora de casa e derrotou o Flamengo por 3 a 0, com dois gols do atacante Lekão.
 
Com a vitória, o time praiano larga na frente com 4 pontos ganhos, deixando River, Caiçara, Piauí e 4 de Julho com 2 pontos ganhos, enquanto o Flamengo soma apenas 1 ponto. Confira a ficha do jogo principal da rodada dupla desta segunda-feira (23) à noite no Estádio Albertão.
 
FICHA TÉCNICA
 
FLAMENGO 0x3 PARNAHYBA (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 1° Turno - Taça Estado do Piauí - 2ª rodada); Data: 23/03/2015 (segunda-feira à noite); Local: Estádio Albertão (em Teresina); Arbitragem: Hélio Fábio Pinto Queiroz, auxiliado por Francisco Nurisman Machado Gaspar e Rogério de Oliveira Braga.
 
Renda: R$ 6.400,00 com 367 pagantes.
 
Gols: Lekão 25 e Isael William 39 do 1° tempo; Lekão 30 do 2°.
 
Cartões amarelos: Augusto, Wildinho (FLA), Tadeu, Puxa, Sandro e Felipe (PAR). 
 
Flamengo - Preto; Capu (Bodó), Wildinho, Paulo Maranhão e Davi; Cosmo, Zuza, Darli (Paulinho) e Mateus; Joniel e Augusto (Naylan). Técnico: Jorge Pinheiro.
 
Parnahyba - Álisson; Barata. Jéferson, Puxa (Édi) e Fred; Luciano (Felipe), Tadeu, Totonho e Isael; Sandro (Renato Frota) e Lecão. Técnico: Paolo Rossi.

Piauí x Caiçara: quinto jogo do Piauiense, quinto empate

A segunda rodada da Taça Estado do Piauí (o primeiro turno do Campeonato Piauiense), foi concluída na noite desta segunda-feira (23), com a disputa de mais duas partidas. Na preliminar da rodada dupla, entre Piauí e Caiçara, novo empate - o quinto da competição em cinco jogos disputados. 
 
O primeiro tempo terminou sem abertura da contagem, mas, na fase final, dois gols fizeram a alegria da torcida. O Caiçara abriu a contagem com Ribeiro e o empate rubroanil verificou-se com um gol de Edson Di, o primeiro do atacante pelo novo clube. Confira os detalhes técnicos do jogo, que foi disputado na preliminar de Flamengo e Parnahyba.
 
FICHA TÉCNICA
 
PIAUÍ 1x1 CAIÇARA (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 1° Turno - Taça Estado do Piauí - 2ª rodada); Data; 23/03/2015 (segunda-feira à noite - Preliminar de Flamengo 0x3 Parnahyba); Arbitragem: Francisco Antônio Gonçalves Arêa, auxiliado por Thyago Costa Leitão e Mauro Cezar Evangelista de Sousa.
 
Gols: Ribeiro 10 e Edson Di 21 do 2° tempo.
 
Cartões amarelos: Marcos Gasolina, Jorginho, Edson Di (PIA), Ribeiro, Renan, André Luiz e Rinaldo (CAI).
 
Expulsão: Marcos Gasolina, aos 17 do 2°, por jogo violento.
 
Piauí - David; Jorginho, Rafael Negão, Bruno Ernandes e Tiaguinho (Denis); Eduardo Junho (Alan), Binha, Marcos Gasolina e Darley; Edson Di e Ítalo (Dalton). Técnico: Paulo Ricardo Moroni.
 
Caiçara - Toni; Heli, Renan, André Luiz e Adelson; Amorim, Alan, Ribeiro e Juninho Cearense; Wanderson (Bruno, depois John, mais tarde Gazito) e Rinaldo. Técnico: Alex Sandro Santana de Oliveira (Paulo Isidoro). 

sábado, 21 de março de 2015

4 de Julho e River empatam sem gols no Ytacoatiara

Com mais um empate de 0 a 0, 4 de Julho e River deram início a mais uma rodada do Campeonato Piauiense, empatando na noite deste sábado, no Estádio Ytacoatiara, em Piripiri. O time tricolor até que esteve mais perto de abrir a contagem, mas o resultado final apontou mesmo o empate sem gols.

A primeira jogada de real perigo aconteceu logo aos 5 minutos, quando Tote mandou a bola para a área colorada, o goleiro Jaílson se atrapalha e Mayrton evita o que poderia ser o primeiro gol riverino. O 4 de Julho tentou responder, mas nem mesmo o River conseguiu construir uma outra chance neste mesmo padrão, nos primeiros 45 minutos.

Na fase final, o River mais uma vez teve a primeira boa oportunidade, agora nos pés de Thiago Marabá, que entrou no lugar de Esquerdinha. Ele recebeu de Eduardo, ficou livre diante de Jaílson, mas concluiu para fora. A considerar que estes dois lances foram os que mais se aproximaram de transformar o 0 a 0 em gol, deixou a desejar.

Quarto jogo do campeonato, quarto empate, o terceiro sem abertura da contagem. Agora o Taça Estado do Piauí terá sequencia na segunda-feira, com os jogos entre Piauí x Caiçara (preliminar, a partir de 18 horas) e Flamengo x Parnahyba (principal).

FICHA TÉCNICA

4 DE JULHO 0x0 RIVER (Campeonato Piauiense da 1ª Divisão de Profissionais - 1º Turno - Taça Estado do Piauí - 2ª rodada); Data: 21-03-2015 (sábado à noite); Local: Estádio Ytacoatiara (em Piripiri); Arbitragem: Antônio Dib Moraes de Sousa, auxiliado por Edmilson Timóteo da Silva e João Thiago Carvalho Reis.

Renda: R$ 8.600,00 com 723 pagantes (115 não pagantes).

Público total: 838 torcedores. 

Cartões amarelos: Wanderley, Maranguape, Pedra Petra, Wilsinho (4J) e Thiago Marabá (RIV).

4 de Julho - Jaílson; Wilsinho, Maranguape (Ednaldo), Caio e Mayrton; Adriano, Wanderley, Cinelton  (Antônio Carlos) e Lira; Pedra Preta (Lobinho) e Pretinho. Técnico: Cláudio Leite.

River - Naylson; Tote (Lucas Bacelar), Paulo Paraíba, Índio e Siderval; Amarildo, Rafael Araújo, Rogério e Esquerdinha (Thiago Marabá); Rhuann (Netinho) e Eduardo. Técnico: Flávio José Araújo.

quinta-feira, 19 de março de 2015

Piauienses se despedem com bom resultado na Copa NE

Embora eliminados na primeira fase, os representantes do futebol piauiense na Copa do Nordeste fizeram seus jogos de despedida obtendo dois bons resultados na noite desta quarta-feira (18). Em São Luís, o Piauí arrancou um empate por 1 a 1 diante do Moto Club local. Já no Albertão, em Teresina, vitória do River sobre o Botafogo-PB por 1 a 0. Confira a ficha técnica dos dois jogos.

FICHAS TÉCNICAS

MOTO CLUB 1x1 PIAUÍ (Copa do Nordeste - 1ª fase - 6ª rodada - Grupo C); Data: 18-03-2015 (quarta-feira à noite); Local: Estádio Castelão (em São Luís - MA); Arbitragem: José Cleuton Sousa Lima, auxiliado por Arnaldo Rodrigues de Souza e Samuel Oliveira Costa (todos do Ceará).

Renda: R$ 11.720,00 com 750 pagantes (298 não pagantes).

Público total: 1.048 torcedores.

Gols: Luís Cláudio (cabeça) 21 e Raylan 43 do 2º tempo.

Cartões amarelos: Edson Pacujá, Luís Fernando, Raylan (MOTO), Eduardo Junho, Dalton, Dênis e Natan (PIA).

Expulsão: Eduardo Junho, aos 48, por jogo violento (segundo amarelo), Wanderley, Bruno Ernandes, Luís Fernando e Rafael Negão, todos aos 51 do 2º, por agressão mútua.  

Moto Club - Raniéri; Edson Pacujá, Luís Fernando, Rodolfo Mol e Rodrigo Fernandes; Davyd, Felipe Dias (Heider), Idelson e Wanderley; Henrique (Davyson) e Vavá (Raylan). Técnico: Filinto Holanda.

Piauí - Lucas; Eduardo, Rafael Negão, Bruno Ernandes e Natan; Binha, Marcos Gasolina (Luís Cláudio), Dalton e Jeová Júnior (Darley); Dênis e Pablo (Jorginho). Técnico: Paulo Ricardo Moroni.

RIVER 1x0 BOTAFOGO-PB (Copa do Nordeste - 1ª fase - 6ª rodada - Grupo D); Data: 18-03-2015 (quarta-feira à noite); Local: Estádio Albertão (em Teresina); Arbitragem: Mayron F. dos Reis Novaes (Maranhão), auxiliado por Francisco Nurisman Machado Gaspar e Izaura de Sousa e Silva (ambos locais).

Renda: R$ 1.386,00 com 167 pagantes, incluindo o sócio torcedor (26 não pagantes).

Público total: 193 torcedores.

Gol: Siderval 23 do 2º tempo.

Cartões amarelos: Naylson, Amarildo (RIV), Natan, Bismarck, Túlio Souza e Zaquel (BOTA).

Expulsão: Chapinha, aos 29 do 2º, por jogo violento.

River - Naylson; Paulo Paraíba, Índio e Rafael Araújo; Tote, Amarildo, Rogério, Luís Augusto, Fabinho (Thiago Marabá) e  Sideval; Rhuann (Lucas Bacelar). Técnico: Flávio José Araújo.

Botafogo (PB) - Edson, Gustavo, Carlinhos Rech, Wesley e Zaquel; Airton Oliveira (Pato), Nata, Túlio Souza e Bismarck; Chapinha e Fábio Gama (Gustavo Pastuch). Técnico: Marcelo Villar.

domingo, 15 de março de 2015

Albertão: River tropeça no surpreendente Caiçara

Depois de marcar o gol do empate, Eduardo (11) sai comemorando, seguido por Luca Bacelar (21).
As previsões se configuraram. O surpreendente Caiçara fez frente ao campeão piauiense e empatou com o River na tarde deste domingo (15), no Estádio Albertão, em Teresina, por 1 a 1, com seu atacante Rinaldo assinalando o primeiro gol do Campeonato Piauiense desta temporada.

A propósito dos gols, as emoções maiores dos torcedores tricolores e caiçarinos ocorreram logo nos primeiros minutos da partida. Aos 2, Paulo Paraíba atrasou a bola para Naylson, mas o fez de forma errada, com a bola sem a velocidade necessária, o que permitiu a Juninho Cearense e Rinaldo entrarem no lance e o experiente atacante empurrar a bola para o gol vazio.

Esquerdinha e Adelson disputam a posse da bola no empate deste domingo
Seis minutos decorriam de bola em jogo quando Esquerdinha levantou a bola da direita, encontrando o atacante Eduardo em boas condições. O camisa 11 do Galo não desperdiçou a chance e, com a cabeça, venceu a perícia do goleiro Toni e decretou o empate. O jogo não foi bom, e isso foi o que de melhor aconteceu.

Foi o terceiro empate da competição, em um jogo que teve seu início retardado devido o fato dos dois times terem entrado em campo com camisa da mesma cor. O Caiçara, que tinha a obrigação de trocar a camisa, conforme o regulamento, só o fez depois de muita discussão, jogando com uma camisa branca, com listras pretas.

FICHA TÉCNICA

RIVER 1x1 CAIÇARA (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 1° Turno - Taça Estado do Piauí - 1ª rodada); Data: 15/03/2015 (domingo à tarde); Local>: Estádio Albertão (em Teresina); Arbitragem: Antônio Santos Nunes, auxiliado por Thyago Costa Leitão e Janystony Rabelo de Melo.

Renda: R$ 12.250,00 com 630 pagantes (100 não pagantes).

Público total: 730 torcedores.

Gols: Rinaldo 2 e Eduardo (cabeça) 6 do 1° tempo.

Cartões amarelos: Paulo Paraíba, Siderval, Fabinho, Esquerdinha, Thiago Dias (RIV), Ribeiro, Juninho Cearense, Amorim, Toni e Heli (CAI).

River - Naylson; Tote, Paulo Paraíba, Índio e Siderval; Thiago Dias, Thiago Marabá (Luís Augusto), Rogério e Esquerdinha (Warley); Lucas Bacelar (Fabinho) e Eduardo. Técnico: Flávio José Araújo.

Caiçara - Toni; Heli, Fernando, André Luiz e Adelson; Renan, Amorim, Wanderson Gordo e Juninho Cearense (João Victor); Rinaldo (Gazito) e Ribeiro (John). Técnico: Alex SandroSantana Oliveira (Paulo Isidoro).
 
 

No litoral, empate de 0 a 0 para Parnahyba e Piauí


Tiaguinho domina a bola junto a linha lateral. Barata cerca o ala esquerda do Piauí.
Em menos de 24 horas, registra-se o segundo empate de 0 a 0 na primeira rodada do Campeonato Piauiense. Desta vez o jogo sem gols foi no Estádio Verdinho, em Parnahyba, movimentando as equipes de Parnahyba e Piauí, em partida disputada na tarde deste domingo (15).
 
Tanto Piauí quanto Parnahyba deixaram a desejar. Independente de maior posse de bola, nas chances mais perigosas de gol, os dois também estiveram iguais. No primeiro tempo, quem assustou foi o Piauí, com Luís Cláudio chutando a bola e quase abrindo a contagem. E Lekão acertou um belo chute para boa defesa de David.
 
Considerando o fato de ter jogado fora de casa, melhor para o Piauí que, no próximo final de semana, recebe o Caiçara em Teresina, ao passo que o Parnahyba vai atuar contra o Flamengo, também na capital.  

FICHA TÉCNICA
 
PARNAHYBA 0x0 PIAUÍ (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 1° Turno - Taça Estado do Piauí - 1ª rodada); Data: 15/03/2015 (domingo à tarde); Local: Estádio Verdinho (em Parnaíba); Arbitragem: Antônio José Lopes Trindade de Sousa, auxiliado por Francisco Nurisman Machado Gaspar e Jonathas Alves Carneiro.

Renda: R$ 12.625,00 com 1.064 pagantes (264 não pagantes).

Público total: 1.328 torcedores.
 
Cartões amarelos: Didi, Alisson, Puxa, Totonho (PAR), Rafael Negão e Bruno Ernandes (PIA).
 
Parnahyba - Alysson; Barata, Puxa, Didi (Pio) e Fred; Totonho, Sandro, Luciano e Isael William; Carlinhos (Puxinha, depois Juninho Pikaxu) e Lekão. Técnico: João Rufino (Paolo Rossi).
 
Piauí - David; Jorginho, Rafael Negão, Bruno Ernandes e Tiaguinho (Allan). Marcos Gasolina, Binha, Dalton e Darley; Silas (Edson Di) e Luís Cláudio (Dênis). Técnico: Paulo Ricardo Moroni.

 

River x Caiçara fecham primeira rodada no Albertão

Depois da Copa do Nordeste, torcida tricolor agora precisa empurrar o River rumo ao bicampeonato. (Foto - MAURÍCIO POKEMON).
No último jogo da rodada de abertura do Campeonato Piauiense, programado para 17 horas, no Estádio Albertão, em Teresina, o River inicia sua trajetória rumo ao bicampeonato tendo como adversário o imprevisível time do Caiçara, da cidade de Campo Maior.
 
O Galo vem da eliminação na Copa do Nordeste, mas tem um time que dificilmente será surpreendido. Com jogadores experientes e a estrutura que foi montada desde o início da temporada, o time do técnico Flávio Araújo poderá marcar seus primeiros três pontos já na estréia deste domingo.
 
Mas é preciso tomar cuidado com o adversário. O Caiçara tem vários jogadores que chegaram de outros centros. Entre eles, o atacante Rinaldo, ex-Fortaleza. O técnico Paulo Isidoro também é uma das novidades que o Leão da Terra dos Carnaubais apresenta para este campeonato.
 
River x Caiçara, às 17 horas, será dirigido por Antônio Santos Nunes, auxiliado por Thyago Costa Leitão e Janystony Rabelo de Melo. O quarto árbitro será Hélio Fábio Pinto de Queiróz.
 
PREÇO DOS INGRESSOS
 
Cadeira: R$50,00
Arquibancada: R$30,00
Geral: R$20,00
Estudantes e Idosos: Meia entrada

 

Verdinho: Parnahyba recebe o Piauí no litoral

Parnahyba x Piauí voltam ao gramado do Verdinho na tarde de hoje.
Com expectativa de bom público no Estádio Verdinho, em Parnaíba, a primeira rodada do Campeonato Piauiense terá sequência na tarde deste domingo, a partir das 16 horas, quando Parnahyba e Piauí estarão se enfrentando numa reprise do confronto final da Taça Estado do Piauí do ano passado.
 
O técnico Paolo Rossi fará sua estréia oficial na direção técnica do Parnahyba, tendo em suas mãos um plantel com vários jogadores experientes, como Barata, Luciano e Totonho. Diante de sua inflamada torcida, será um duro adversário para o vice-campeão piauiense, ao que pese o fato de Paulo Moroni, técnico rubroanil, conhecer muito bem o Parnahyba, equipe pela qual foi bicampeão em 2012/13.
 
O Piauí, por sua vez, também deve ser um adversário que colocará muitos obstáculos qualquer que seja a pretensão parnaibana. Edson Di, ex-Flamengo, já foi regularizado e será um reforço de peso para o time do técnico que mais títulos conquistou no futebol piauiense nos últimos 15 anos.
 
Parnahyba x Piauí jogarão a partir das 16 horas, com arbitragem de Antônio José Lopes Trindade de Sousa, auxiliado por Francisco Nurisman Machado Gaspar e Jonathas Alves Carneiro. O quarto árbitro será Antônio Cordeiro de Paula.
 
PREÇO DOS INGRESSOS
 
Cadeira: R$30,00
Arquibancada: R$ 20,00
Geral: R$ 10,00
Estudantes e Idosos: Meia entrada
 

Caiçara: pode ser a maior surpresa da temporada

Último colocado. Foi assim nas duas últimas participações. É essa história que o Caiçara quer mudar.
O Caiçara poderá fazer a mais brilhante campanha de sua história depois da geração Paulo Henrique-Catita. Com o futebol entregue a um grupo de empresários, o time de Campo Maior trouxe comissão técnica e muitos jogadores de outros estados. Nomes que podem surpreender. O currículo de cada um deles nos remete a essa opinião. Que se cuidem, pois, os adversários.

PRINCIPAL TÍTULO

1 vez campeão piauiense da 2ª divisão:  1963.

CLASSIFICAÇÃO NOS CINCO ÚLTIMOS CAMPEONATOS

2014 - 8° lugar (lanterna)
2013 - Não participou.
2012 - 8° lugar (lanterna)
2011 - Não participou.
2010 - Não participou.

MAIOR ARTILHEIRO DO CLUBE NOS TRÊS ÚLTIMOS CAMPEONATOS

2014 - Roberto, com 3 gols
2013 - Não participou
2012 - Deilton, com 3 gols

O TREINADOR

Paulo Isidoro é um nome conhecido do futebol brasileiro, embora não seja o ex-meia do Atlético Mineiro e Seleção Brasileira. Mas é o Paulo Isidoro que surgiu no Vitória, de Salvador. Como técnico, não é conhecido do público piauiense. Mas o plantel que lhe é colocado para trabalhar pode resultar em bons frutos. Para ele e para o time.

PRINCIPAL ÍDOLO

Entre tanta gente vinda de fora, não resta dúvida que, a princípio, o grande ídolo é o atacante Rinaldo, conhecido do futebol brasileiro pelos muitos gols que marcou com a camisa do Fortaleza. No campo, se começar a marcar os gols que a torcida espera, apenas vai confirmar o que já foi em outros clubes: um grande ídolo.

OS PRIMEIROS JOGOS

15/03 (hoje) - Albertão, em Teresina, contra o River (17h00).
21/03 (sábado) - Albertão, em Teresina, contra o Piauí (16h00)
29/03 (domingo) - Deusdedit de Melo, em Campo Maior, contra o 4 de Julho (15h45)

FAÇA O SEU TIME DE BOTÃO - FUTEBOL DE MESA

River: o plantel que tem hoje lhe credencia ao bicampeonato

2014: no calendário do futebol piauiense, foi ano do Galo.
A julgar pela estrutura que o Galo montou visando a disputa da Copa do Nordeste, não há como deixar de considera-lo o grande favorito ao título. Mas já se comenta, nos bastidores, de que a eliminação da competição regional terá efeitos para o Piauiense 2015. Que não sejam tão devastadores a ponto de deixa-lo desfigurado. É o que a torcida espera, ávida por mais um bicampeonato.

PRINCIPAIS TÍTULOS

28 vezes campeão piauiense da 1ª divisão:  1948, 1950/51/52/53/54/55/56 (hepta), 1958/59/60/61/62/63 (hexa), 1973, 1975, 1977/78 (bi), 1980/81 (bi), 1989, 1996, 1999/2000/01/02 (tetra), 2007 e 2014.

1 vez campeão da Copa Piauí: 2006.

4 vezes campeão da Taça Estado do Piauí: 1972, 2007/08 (bi) e 2013.

4 vezes campeão da Taça Cidade de Teresina: 1975, 2007, 2013 e 2014.

CLASSIFICAÇÃO NOS CINCO ÚLTIMOS CAMPEONATOS

2014 - CAMPEÃO
2013 - Vice-campeão.
2012 - 5° lugar
2011 -  4° lugar
2010 - 6° lugar

MAIOR ARTILHEIRO DO CLUBE NOS TRÊS ÚLTIMOS CAMPEONATOS

2014 - Marciano, com 10 gols
2013 - Anderson Kamar, com 7 gols
2012 - Crislan, com 6 gols

O TREINADOR

O nome de Flávio Araújo dispensa maiores apresentações. É um vencedor e costuma chegar no pódio. Com o plantel que hoje dispõe, a distância entre ele e mais um título piauiense fica bem mais curta. Sem falar que Flávio Araújo e o River ainda não entraram para esta galeria juntos. Quem sabe se desta vez...

PRINCIPAL ÍDOLO

Num plantel de tantos bons jogadores, fica difícil para qualquer crítico escolher um ídolo maior. Para a própria torcida também. Mas pelas atuações na Copa do Nordeste, é merecido dar esse crédito ao goleiro Naylson. Suas atuações foram quase irretocáveis. Hoje, sem nenhum favor, é um grande ídolo do campeão piauiense.

OS PRIMEIROS JOGOS

15/03 (domingo) - Albertão, em Teresina, contra o Caiçara  (17h00).
21/03 (sábado) - Ytacoatiara, em Piripiri, contra o 4 de Julho (19h00)
30/03 (segunda-feira) - Albertão, em Teresina, contra o Parnahyba

FAÇA O SEU TIME DE BOTÃO - FUTEBOL DE MESA

Tubarão: com a torcida jogando junto, é adversário perigoso

No ano passado, o Parnahyba chegou em terceiro lugar.
Durante a formação do plantel, o presidente Batista Filho foi taxativo ao afirmar que os investimentos iriam ser mais modestos que em outras épocas, haja visto que não teria o convênio com a Prefeitura de Parnaíba. Mesmo assim, conseguiu montar um time competitivo que, sem nenhuma dúvida, vai dar trabalho. Em casa, sua torcida quase sempre é o 12° jogador. E isso também pode fazer a diferença.

PRINCIPAIS TÍTULOS

12 vezes campeão piauiense da 1ª divisão:  1916, 1924/25 (bi), 1927, 1929/30 (bi), 1940, 2004/05/06 (tri), 2012 e 2013 (bi).

1 vez campeão do Torneio Gov. Alberto Silva - 1988.

2 vezes campeão da Taça Estado do Piauí - 2004 e 2012.

3 vezes campeão da Taça Cidade de Teresina - 2004/05/06 (tri).

CLASSIFICAÇÃO NOS CINCO ÚLTIMOS CAMPEONATOS

2014 - 3° lugar
2013 - BICAMPEÃO
2012 - CAMPEÃO
2011 - 3° lugar.
2010 - 5° lugar.

MAIOR ARTILHEIRO DO CLUBE NOS TRÊS ÚLTIMOS CAMPEONATOS

2014 - Fabinho, com 6 gols
2013 - Zé Rodrigues, com 7 gols
2012 - Fabinho, com 8 gols
 
O TREINADOR

Paolo Rossi ganhou títulos como atleta profissional - o último deles pelo 4 de Julho, em 2011. Agora quer fazer história como treinador. Chega para o Parnahyba depois de fazer um ótimo trabalho à frente do São Benedito, na segunda divisão do Campeonato Cearense, no ano passado.

PRINCIPAL ÍDOLO

Jogador que mais vezes foi campeão piauiense no século XXI, o experiente volante Totonho é um dos ídolos do Tubarão. Naturalmente que outros estão no mesmo nível, como Luciano, também volante, mas Totonho, pelo tempo que está no clube, é o atleta mais identificado com as cores do time praiano.

PRÓXIMOS JOGOS

15/03 (domingo) - Verdinho, em Parnaíba, contra o Piauí (16h00)
22/03 (domingo) - Albertão, em Teresina, contra o Flamengo (17h00)
30/03 (segunda-feira) - Albertão, em Teresina, contra o River

FAÇA O SEU TIME DE BOTÃO - FUTEBOL DE MESA

Piauí: vice em 2014, desta vez vai ficar com a taça?

Em 2014, o Enxuga Rato arrancou o vice-campeonato.
O Piauí vem mantendo boa parte do plantel que começou a ser montado em 2012. Esse entrosamento pode ser o maior diferencial do time que estará mais uma vez sob o comando do técnico Paulo Moroni. Se bem que vários reforços ainda devem chegar. Dois deles, a propósito, tiveram impacto dos mais positivos: Edson Di e Niel, ambos ex-Flamengo. Também deve pesar na balança o fato do time já estar em ritmo de competição, uma vez que disputa a Copa do Nordeste.

PRINCIPAIS TÍTULOS

5 vezes campeão piauiense da 1ª divisão:  1966/67/68/69 (tetra) e 1985.

1 vez campeão piauiense da 2ª divisão - 1957.

3 vezes campeão da Taça Estado do Piauí - 1968, 2005 e 2014.

2 vezes campeão da Taça Cidade de Teresina - 1981 e 2012.

CLASSIFICAÇÃO NOS CINCO ÚLTIMOS CAMPEONATOS

2014 - Vice-campeão.
2013 - 4° lugar.
2012 - 6° lugar.
2011 - 7° lugar.
2010 - 8° lugar.

MAIOR ARTILHEIRO DOS TRÊS  ÚLTIMOS CAMPEONATOS 

2014 - Fabiano, com 9 gols
2013 - Fabiano, com 8 gols
2012 - Boiadeiro, com 7 gols

O TREINADOR

A exemplo do que já aconteceu no ano passado, o time rubroanil volta a contar com Paulo Ricardo Moroni à frente do plantel. O treinador gaúcho já foi campeão piauiense em 2003 e 2009 (Flamengo), 2012 e 2013 (Parnahyba). Conhece o futebol piauiense como poucos, o que deve representar uma grande vantagem para o time rubroanil.

PRINCIPAL ÍDOLO

O atacante Edson Di, artilheiro do Flamengo na temporada 2013, agora vestirá a camisa rubroanil do Piauí. Se repetir as boas atuações que fez à época, deve se constituir no principal ídolo do seu novo time. Com passagem pelo Corinthians Paulista, quando foi lançado no time principal por Vanderley Luxemburgo, é um reforço de peso e que deve cair nas graças da torcida.
 
OS PRIMEIROS JOGOS

15/03 (domingo) - Verdinho, em Parnaíba, contra o Parnahyba (16h00).
21/03 (sábado) - Albertão, em Teresina, contra o Caiçara
29/03 (domingo) - Albertão, em Teresina, contra o Flamengo (17h00)

FAÇA O SEU TIME DE BOTÃO - FUTEBOL DE MESA

sábado, 14 de março de 2015

4 de Julho x Flamengo: empate sem gols em Piripiri

Vanderley investe contra o setor defensivo rubro-negro. (Foto - Elziney Santos).
Com boa presença de público nas dependências do Estádio Ytacoatiara, em Piripiri, 4 de Julho e Flamengo empataram na noite deste sábado (14), sem abertura da contagem, em partida que abriu o Campeonato Piauiense desta temporada. Um resultado justo, embora o time da casa tenha tido maior tempo com o domínio da bola.
 
O primeiro tempo foi bem melhor, com maior movimentação das equipes. Não por coincidência, surgiram as duas melhores oportunidades. O goleiro Jaílson defendeu uma cabeçada à queima roupa do atacante Augusto, logo no início da partida. Pouco tempo depois, Pedra Preta teve boa chance na pequena área, mas Preto saiu na hora certa para abafar o chute do atacante colorado.

Pedra Preta não conseguiu encontrar o caminho do gol. Numa das poucas chances que teve, o goleiro fez a defesa (Foto - Elziney Santos).
Sem a preparação adequada para a temporada, a falta de melhor condicionamento físico pesou na etapa final e os dois times sentiram. O jogo foi menos corrido, com o resultado final sendo justo pelo futebol dos 90 minutos. Ressalte-se que o técnico Jorge Pinheiro foi contratado pelo Flamengo e assistiu ao jogo das cadeiras do Ytacoatiara, devendo assumir seu posto na segunda-feira.
 
FICHA TÉCNICA
 
4 DE JULHO 0x0 FLAMENGO (Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissionais - 1° Turno - Taça Estado do Piauí - Fase Preliminar - 1ª rodada); Data: 14/03/2015 (sábado à noite); Local: Estádio Ytacoatiara (em Piripiri); Arbitragem: Leonardo Marques Fortes, auxiliado por Rogério de Oliveira Braga e Izaura de Sousa e Silva.

Renda: R$ 8.980,00 com 766 pagantes (225 não pagantes).

Público total: 991 torcedores.
 
Cartões amarelos: Adriano, Pedra Preta (4J), Cafu, Matheus e Davi (FLA).
 
4 de Julho - Jaílson; Wilsinho, Maranguape (Edinaldo), Caio (Helinho) e Mayrton; Adriano, Vanderley, Cinelton e Lira (Lobinho); Pedra Preta e Pretinho. Técnico: Maurício Waldimir dos Reis (preparador físico, mas que assinou a súmula como técnico).
 
Flamengo - Preto; Cafu, Pedro Luna, Wildinho e Davi; Zuza (Bodó), Artur, Darly (Belfort) e Matheus (Paulinho); Augusto e Joniel. Técnico: Valter Lima Vieira (Valter Maranhão).

 

4 de Julho x Flamengo abrem o Campeonato Piauiense

4 de Julho e Flamengo abrem o Campeonato Piauiense em Piripiri.
Em jogo programado para as 19 horas, no Estádio Ytacoatiara, em Piripiri, 4 de Julho local e Flamengo realizam na noite deste sábado (14), o jogo de abertura do Campeonato Piauiense de Futebol da 1ª Divisão de Profissioais. Um jogo de ´difícil prognóstico diante dos problemas vividos pelas duas equipes.
 
No 4 de Julho, a falta de sintonia com a Prefeitura de Piripiri obrigou a diretoria a investir timidamente. Assim, o plantel é uma mescla de jovens valores, desconhecidos do futebol profissional, com velhas raposas da bola, como Pretinho, Lira e Wilsinho, para citar três exemplos. O técnico é o paulista Cláudio Leite, sem experiências no futebol do Piauí.
 
O que não se pode dizer do treinador adversário, Valter Maranhão, que conhece a fundo o futebol piauiense, onde milita, como jogador e técnico, desde 1980. Sob seu comando, uma equipe que também não teve muito tempo - e nem dinheiro - para se preparar. Quer dizer, é quase tudo muito parecido. Se alguém levará vantagem no campo, é o que veremos a partir das 19 horas, na Arena Colorada.
 
A arbitragem de 4 de Julho x Flamengo será de Leonardo Marques Fortes, auxiliado por Rogério de Oliveira Braga e Izaura de Sousa e Silva. O quarto árbitro será Karol Vinícius Mendes Soares Martins.
 
TIMES PROVÁVEIS
 
4 de Julho - Jaílson; Wilsinho, Maranguape, Mayrton e Júnior; Caio, Lobinho, Lira e Pardal; Pretinho e Pedra Preta. Técnico: Cláudio Leite.
 
Flamengo - Brito; Capu, Pedro, Artur, Wildinho e Davi; Zuza, Darlan e Paulinho; Joniel e Naylan. Técnico: Valter Maranhão.

 

Flamengo: buscando superação diante de muitos problemas

Uma das formações do ano passado, quando o Flamengo foi o 4° colocado.
Os muitos problemas envolvendo o Esporte Clube Flamengo, fazem do time outrora da Vila Olímpica, uma grande incerteza. Caixa para grandes contratações não existe. A solução foi a busca dos velhos conhecidos e algumas poucas novidades. Mas o time costuma se superar diante das maiores dificuldades. É o que sua torcida certamente espera.

PRINCIPAIS TÍTULOS

17 vezes campeão piauiense da 1ª divisão -1939, 1942/43/44 (tri), 1947, 1964/65 (bi), 1970/71 (bi), 1976, 1979, 1984, 1986/87/88 (tri), 2003 e 2009.

4 vezes campeão da Copa Piauí - 2008/09/12 e 2013 (tetra, pois a competição não foi realizada em 2010 e 2011).

2 vezes campeão da Taça Estado do Piauí - 1970 e 2009.

1 vez campeão da Taça Cidade de Teresina - 2009.

CLASSIFICAÇÃO NOS CINCO ÚLTIMOS CAMPEONATOS

2014 - 4° lugar
2013 – 3° lugar
2012 - Vice-campeão.
2011 - 8° lugar
2010 - 4° lugar

MAIOR ARTILHEIRO NOS TRÊS ÚLTIMOS CAMPEONATOS

2014 - Tuta, com 5 gols
2013 - Edson Di, com 6 gols
2012 - Ítalo, com 9 gols

O TREINADOR

Valter Lima Vieira, o Valter Maranhão, é conhecido da torcida rubro-negra. Já assumiu o comando do time em diversas oportunidades. Seu melhor desempenho? O título da Copa Piauí em 2009. Terá uma difícil missão diante dos problemas por que passa o clube, com possibilidades de reflexo dentro das quatro linhas.

PRINCIPAL ÍDOLO

Por tudo que já mostrou com a camisa do Flamengo, o volante Zuza, cria da casa, uma espécie de símbolo do Flamengo dos últimos anos, é o grande ídolo da equipe vermelha e preta. Jogador voluntarioso, briga pela sua equipe até a última gota de suor. E vez por outra tem feito gols importantes.

OS PRIMEIROS JOGOS

14/03 (hoje) - Ytacoatiara, em Piripiri, contra o 4 de Julho (19h00)
22/03 (domingo) - Albertão, em Teresina, contra o Parnahyba (17h00)
29/03 (domingo) - Albertão, em Teresina, contra o Piauí (17h00)

FAÇA O SEU TIME DE BOTÃO - FUTEBOL DE MESA


4 de Julho: juventude e experiência em busca do título

Em 2014, o 4 de Julho foi apenas o quinto colocado da competição.
Surgido no final da década de 1980, o 4 de Julho Esporte Clube, da cidade de Piripiri, é um dos mais tradicionais representantes da região norte do Estado no Campeonato Piauiense. Vai disputar o certame de 2015 com o objetivo de voltar a ocupar um lugar no pódio, visto que, nas três últimas temporadas, o que de melhor conseguiu foi um modesto quarto lugar.

Fundado em 04 de julho de 1987, o time de Piripiri tem o vermelho como cor predominante do seu uniforme, motivo pelo qual ganhou o apelido de Colorado. Neste início de competição, uma das motivações de sua torcida é o esperado 100° gol de Pretinho como maior artilheiro da história do clube, o que pode acontecer ainda neste começo de competição.

PRINCIPAIS TÍTULOS

3 vezes campeão piauiense da 1ª divisão:  1992/93 (bi) e 2011.
1 vez campeão piauiense da 2ª divisão - 2003.
2 vezes campeão da Taça Cidade de Teresina - 2008 e 2011.

CLASSIFICAÇÃO NOS CINCO ÚLTIMOS CAMPEONATOS

2014 - 5° lugar
2013 - 5° lugar.
2012 - 4° lugar.
2011 - CAMPEÃO
2010 - 7° lugar.

MAIOR ARTILHEIRO NOS TRÊS ÚLTIMOS CAMPEONATOS

2014 - Pretinho, com 5 gols
2013 - Pretinho, com 8 gols
2012 - França, com 8 gols
 
O TREINADOR

O paulista Cláudio Leite é o técnico do 4 de Julho. Não é conhecido do futebol piauiense, mas a expectativa é de que ele possa fazer do time, que une juventude e experiência, uma equipe competitiva e capaz de disputar o título de igual para igual com os demais pretendentes.

PRINCIPAL ÍDOLO

Pretinho é o principal ídolo colorado. Aos 38 anos (Piripiri-PI, 25/01/1976), o atacante Luzenaldo de Sousa Araújo, o Pretinho, é o maior goleador da história colorada e corre atrás do 100° gol. Mas admite que o importante é o coletivo. "Se eu marcar gol, ótimo, mas isso nunca poderá ser colocado acima dos interesses da equipe", afirmou na tarde de hoje ao Site do Buim.

OS PRIMEIROS JOGOS

14/03 (hoje) - Ytacoatiara, em Piripiri, contra o Flamengo (19h00)
21/03 (sábado) - Ytacoatiara, em Piripiri, contra o River (19h00)
29/03 (domingo) - Deusdedit de Melo, em Campo Maior, contra o Caiçara (15h45)
 

FAÇA O SEU TIME DE BOTÃO - FUTEBOL DE MESA

sexta-feira, 13 de março de 2015

Cláudio Leite é apresentado como técnico do 4 de Julho

Cláudio Leite, o novo técnico do 4 de Julho.
Com informações e texto de Clemilton Silva (Piripiri).
 
Na tarde desta quinta-feira (12), o treinador Claudio Leite da Silva, 55 anos, natural de São Paulo foi apresentado ao grupo e já entrou em campo realizando um trabalho de posicionamento e tático para o elenco. Claudio Leite chegou com o discurso de muito otimismo, mas já cobrando do time uma concentração maior neste momento.
 
Em sua chegada, Cladio Leite, analisou que o tempo é curto até a estreia, mas que quer contar com o empenho de todos nessa transição. Dentro de campo, o novo técnico começou a desenhar o time que vai jogar contra o Flamengo-Pi, neste sábado (14), às 19h, no estádio Ytacoatiara, em Piripiri.

 

quinta-feira, 12 de março de 2015

Campo Maior: mais três são contratados pelo Caiçara

Meio campista Gabriel, reforço caiçarino anunciado nesta semana.
O Caiçara não para de se reforçar. Agora chegou a vez de Gabriel (meio de campo), Allan (também meio de campo) e Ewerton (zagueiro). Os três foram anunciados e já estão treinando no time alvirrubro da terra dos carnaubais. Confira a ficha dos três novos integrantes da equipe de Campo Maior:
 
Gabriel Lucas Lima
Idade: 19 anos
Naturalidade: São Bernardo do Campo-SP
Posição: Meio campo
Clubes: São Bernardo-SP, Anapolina-GO, FC Energie Cottbus (Alemanha).


Allan Rodrigues Nunes
Idade: 26 anos
Naturalidade: Gama-DF
Posição: Meio campo
Clubes: Gama-DF, Guarani-SP, América-MG, Luziânia-GO, Anápolis-GO, Santa Maria-DF.



Ewerton Nogueira Ávila
Idade: 23 anos
Naturalidade: São Gabriel do Oeste-MS
Posição: Zagueiro
Clubes: Grêmio-RS, Paranavaí-PR, Santa Maria-DF, Luziânia-GO.
 

quarta-feira, 11 de março de 2015

Novo empate do Piauí na Copa do Nordeste

Jorginho e Cássio Ortega saltam na disputa pela bola. Tudo igual e sem gols entre Piauí e Salgueiro (Foto - MAURÍCIO POKEMON).
Ao empatar seu quarto compromisso na Copa do Nordeste - o terceiro por 0 a 0 - , o Piauí está praticamente eliminado da competição que reúne os principais clubes da região. Na noite desta quarta-feira (11), quando enfrentou o líder Salgueiro no Estádiio Albertão, o vice-campeão piauiense criou várias oportunidades, mas não conseguiu marcar.
 
As bolas que foram de encontro à trave do goleiro Luciano, do Salgueiro, podem ser resumidas no que o time piauiense fez de melhor na partida. Quase gol, de Darley e Jorginho, mas que ficou somente no quase. O Salgueiro também teve sua chance de ouro, nos pés do atacante Júlio Estevão, que não sou aproveitar.
 
O empate ainda foi bom para o Salgueiro que mantém a liderança do Grupo C (Foto - MAURÍCIO POKEMON).
Diante deste quadro, que pode ser acrescido com a baixa qualidade técnica da partida, o resultado não podia ser outro. Melhor para o Salgueiro, que manteve a liderança do Grupo C da Copa do Nordeste, agora com 7 pontos ganhos; pior para o Piauí, que não tem mais chances de ser o líder da chave e terá que torcer por uma milagrosa combinação matemática para ser segundo colocado e ainda buscar uma classificação.

FICHA TÉCNICA

PIAUÍ 0x0 SALGUEIRO (Copa do Nordeste - 1ª fase - 5ª rodada - Grupo C); Data: 11/03/2015 (quarta-feira à noite); Local: Estádio Albertão (em Teresina); Arbitragem: Caio Max Augusto Vierira (Rio Grande do Norte), auxiliado por Carolina Romanholi Melo (Ceará) e Francisco Jaílson F. da Silva (Rio Grande do Norte).

Cartão amarelo: Morelândia (SAL).

Piauí - David; Jorginho, Bruno Ernandes, Rafael Negão e Tiaguinho; Marcos Gasolina, Binha, Vitor Recife (Agostinho) e Darley (Dênis); Silas (Pablo) e Luís Cláudio. Técnico: Paulo Ricardo Moroni.

Salgueiro - Luciano; Marcos Tamandaré, Ranieri, Rogério Paraíba e Lúcio; Rodolfo Potiguar, Morelândia, Vitor Caicó (Luís Eduardo) e Cássio Ortega (Bill); Valdeir e Jefinho Berger (Júlio Estevão). Técnico: Sérgio China.

 

terça-feira, 10 de março de 2015

Copa Nordeste: River eliminado com gol nos acréscimos

Amarildo voltou a ser um dos destaques do time tricolor. (Foto - O POVO).
Com um gol sofrido aos 46 minutos do 2° tempo, o River perdeu para o Ceará na noite desta terça-feira (10), no Estádio Presidente Vargas, em Fortaleza, e está eliminado da Copa do Nordeste. A derrota, embora pela contagem mínima (1x0) deixou o campeão piauiense, matematicamente, sem qualquer chance de classificação para a próxima fase.

O time piauiense entrou em campo com o firme propósito de, primeiro, evitar a pressão do Ceará. Depois, buscar o gol em contra-ataques. Foi assim que o técnico Flávio Araújo imaginou o andamento da partida, escalando três zagueiros e deixando Eduardo isolado no ataque riverino. A estratégia funcionou até os 45 minutos da fase final.

Marinho comemora e vai receber o abraço de Magno Alves (Foto - DIÁRIO DO NORDESTE).
Quando o Ceará pressionava, esbarrava no setor defensivo do Galo e tinha suas pretensões contidas pelo goleiro Naylson, outra vez uma grande figura do time. Quando parecia que o empate iria prevalecer, veio o fantasma dos minutos finais. E com ele, o gol que determinou mais uma derrota do River na Copa do Nordeste, desta feita com o prejuízo de eliminar o River da competição.

O lance ocorreu aos 46 minutos do 2° tempo, quando Wescley cobrou falta e Magno Alves desviou para a cabeçada colocada de Marinho, no canto esquerdo do goleiro Naylson. Festa no PV e tristeza piauiense. Com este resultado, o Ceará assumiu a liderança do Grupo D, com 9 pontos ganhos, enquanto o Fortaleza é o vice-líder, com 8. O River mantém-se com 5 pontos e o Botafogo com 1. O time piauiense voltará a jogar na próxima semana, fazendo sua despedida em Teresina, diante do Botafogo-PB.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ SPORTING 1x0 RIVER (Copa do Nordeste - 1ª Fase - 5ª rodada - Grupo D); Data: 10/03/2015 (terça-feira à noite); Local: Estádio Presidente Vargas (Fortaleza - CE); Arbitragem: Cláudio Francisco Lima e Silva (Sergipe), auxiliado por Ubiratan Bruno Viana (Rio Grande do Norte) e Bruno Cesar Chaves Vieira (Pernambuco).

Renda: R$ 44.783,00 com 5.226 pagantes (764 não pagantes).

Público total: 5.990 torcedores.

Gol: Marinho (cabeça) 46 do 2° tempo.

Cartões amarelos: Sandro Manoel, Samuel (CEA), Thiago Marabá, Índio e Luís Augusto (RIV).

Ceará - Luís Carlos; Samuel, Gilvan, Charles e Fernandinho; Sandro Manoel, Uilliam Correia (Marinho), Ricardinho e Marcos Aurélio (Wescley); William (Magno Alves) e Assisinho. Técnico: Paulo Silas do Prado Pereira.

River - Naylson; Paulo Paraíba, Índio e Rafael Araújo; Tote, Amarildo (Peter), Thiago Marabá (Luís Augusto), Thiago Dias, Esquerdinha (Lucas Bacelar) e Hugo Figueiredo; Eduardo. Técnico: Flávio José Araújo.